MENU
Menu
Início Sedã Qin Plus da BYD ganha nova versão EXTREMAMENTE BARATA para superar vendas do Toyota Corolla 

Sedã Qin Plus da BYD ganha nova versão EXTREMAMENTE BARATA para superar vendas do Toyota Corolla 

23 de fevereiro de 2024 às 19:19
Compartilhe
Compartilhar no WhatsApp
Compartilhar no Facebook
Compartilhar no LinkedIn
Compartilhar no Telegram
Compartilhar no Twitter
Compartilhar no E-mail
Siga-nos no Google News
Sedã Qin Plus da BYD ganha nova versão EXTREMAMENTE BARATA para superar vendas do Toyota Corolla 
Foto: Interior BYD Qin Plus/Divulgação

Sedã BYD Qin Plus ganha nova versão híbrida plug-in ainda mais barata. Modelo da marca chinesa chega para competir diretamente com Toyota Corolla.

Desde que se fortaleceu no mercado automotivo, a BYD vem apresentando modelos de várias categorias e agora lançou uma versão mais acessível de um sedã híbrido. Chamado de Qin Plus DM-i, o sedã BYD é híbrido plug-in, conta com preço para competir com Toyota Corolla e chama bastante atenção por sua tecnologia embarcada.

Sedã Qin Plus da BYD é vendido por R$ 55 mil (em conversão direta)

A ideia da marca chinesa ao lançar a versão Glory Edition do Qin Plus DM-i tem o grande objetivo de atrair os consumidores dos sedãs compactos movidos a combustão e também roubar as atenções das versões mais acessíveis dos sedãs médios.

Artigos recomendados

Na China, o sedã BYD Qin Plus é vendido por preços nos arredores de R$ 55 mil. Essa nova versão do Sedã Qin Plus, rival do Toyota Corolla, consegue ser mais barata do que a variante antiga. Anteriormente, o Qin Plus mais barato custava cerca de R$ 13,8 mil a mais do que o modelo vendido atualmente.

O mais interessante dessa nova versão do Sedã BYD Qin Plus é ver que pelo preço de um modelo a combustão, o público da China pode levar para casa um sedã híbrido plug-in. Vale mencionar que essa tecnologia permite que o veículo seja equipado com um motor a combustão e mais um elétrico. Contudo, este segundo deve ser recarregado na tomada.

Qual a autonomia do rival do Toyota Corolla?

O Sedã Qin Plus DM-i conta com um motor 1.5 aspirado de 110 cavalos e 13,7 kgfm de torque. Por sua vez, o propulsor elétrico pode entregar 180 cv e 32,2 kgfm ou 197 cv e 33 kgfm. Desta forma, assim como o Dolphin, o sedã BYD Qin Plus possui, também, uma bateria Blade que pode ter 8,32 kWh ou 18,32 kWh.

Contudo, sua autonomia totalmente elétrica é de apenas 55 km. Desta forma, o modo elétrico é mais recomendado para as vias urbanas. Mesmo se tratando de um modelo de custo acessível, a nova versão do Sedã Qin Plus híbrida plug-in vem bastante equipada.

Foto: BYD/Divulgação

O sedã BYD Qin Plus DM-i traz painel de instrumentos digital, central multimídia com tela grande, pode ter bancos e até painel revestidos em couro. Seu irmão mais requintado, o Qin Plus, com tecnologia Super DM-i é cotado para chegar por aqui.

Vale mencionar que unidades de teste do Qin Plus DM-i foram flagradas recentemente rodando no Brasil. Após sua estreia na China, a expectativa é de que o modelo seja disponibilizado em outros países e regiões.

BYD lança carro elétrico por menos de US$ 10 mil

A BYD lançou recentemente um carro elétrico barato a um preço inédito. Custando cerca de US$ 9,500 este novo modelo, chamado de Seagull, chocou o mercado internacional.

Em relação ao desempenho, o modelo não decepciona, disponibilizando duas versões de autonomia que podem atingir 322 e 404 km com uma única carga. Este tipo de autonomia, combinado com um sistema de carregamento rápido, que pode carregar a bateria de 30% a 80% em apenas 30 minutos, posiciona o rival da Tesla como uma opção prática para pequenas viagens.

O carro elétrico barato é alimentado pela bateria de lítio ferroso da BYD, que eles desenvolveram internamente reduzindo ainda mais o custo. A introdução do modelo poderia marcar um ponto de viragem no mercado. O seu preço é bastante competitivo até mesmo para vários veículos a gasolina como o Honda Fit.

Inscreva-se
Notificar de
guest
Seus comentários são moderados antes de serem aprovados ou não! Portanto, estão proibidos os seguintes termos: palavras de baixo calão, ofensas de qualquer natureza e proselitismo político. A infração destas regras ocasionará na impossibilidade de comentar e até mesmo exclusão de seu cadastro. Seus comentários, perfil e atividades são vistos por MILHÕES DE PESSOAS, então aproveite esta janela de oportunidades e faça seu cadastro aqui ou faça login com suas redes sociais.
0 Comentários
Feedbacks
Visualizar todos comentários
Relacionados
Mais recentes
COMPARTILHAR
0
Adoraríamos sua opnião sobre esse assunto, comente!x