Menu
Início Rumo à Transição Energética: O Surgimento de um Novo Boom de Commodities?

Rumo à Transição Energética: O Surgimento de um Novo Boom de Commodities?

6 de junho de 2023 às 15:29
Compartilhe
Compartilhar no WhatsApp
Compartilhar no Facebook
Compartilhar no LinkedIn
Compartilhar no Telegram
Compartilhar no Twitter
Compartilhar no E-mail
Siga-nos no Google News

Big Oil ou Big Energy? Especialistas debatem sobre a transição energética no Brasil

A mudança para energias mais limpas está reformulando o cenário energético do Brasil e do mundo. Na busca pela compreensão de como isso afetará a economia e o meio ambiente, a Bloomberg organizou um painel com renomados profissionais para discutir o impacto da transição energética na lucratividade das empresas, alocação de recursos e alinhamento com as metas climáticas globais.

Bloomberg e a Transição Energética: Uma Discussão Imperativa

Na sede da Bloomberg na América Latina, localizada em São Paulo, Fernando Valle, Analista Sênior de Energia da Bloomberg Intelligence, encabeçou o debate com a presença de Décio Oddone, Diretor e Presidente da Enauta; Vitor Burjack, Analista Global de Equity e Commodities do Opportunity e Tiago Cunha, Gerente de Portfólio da Ace Capital.

Artigos recomendados

Valle pontuou que, apesar dos avanços significativos do Brasil na transição energética, ainda há um desafio a ser enfrentado. “A segurança e eficiência energética global ainda não são totalmente atingidas somente com energia renovável”, afirmou.

O principal empecilho na jornada do Brasil para se tornar líder em investimentos em novas energias, de acordo com Oddone, é a ausência de regulamentação adequada. “Não faltam dúvidas acerca do potencial do Brasil para produção de hidrogênio verde, energia eólica offshore e baterias. No entanto, a falta de uma regulamentação clara e agilidade nas negociações podem tolher nossa liderança no cenário global”, ponderou Oddone.

A Nova Configuração Energética e as Oportunidades no Horizonte

Por outro lado, Burjack observou que o mercado já sinaliza um decréscimo no investimento em petróleo, refletindo a mudança para uma configuração energética mais limpa. “O Brasil tem potencial para se tornar um importante exportador de gás nos próximos anos e estamos empenhados em fortalecer esse mercado até 2026”, disse ele.

Cunha complementou essa visão, ressaltando a adoção acelerada de tecnologias renováveis e a crescente restrição ao crédito com base em critérios ESG (Environmental, Social and Governance). “Os países mais ricos estão fortemente empenhados na transição energética. A realidade que projetamos para 2030 já se faz presente”, destacou.

Vinicius Nunes, analista de soluções climáticas da BNEF, evidenciou o vigor dos investimentos na transição energética, que atingiram a marca de US$ 1,1 trilhão em 2022, segundo pesquisa da BloombergNEF. “O Brasil lidera os investimentos em energia renovável na América Latina, contando com inesgotáveis recursos naturais como luz solar e ventos fortes”, afirmou Nunes.

O evento ainda contou com a presença de Livia Guarda, gerente de relacionamento da Bloomberg para empresas de gestão de ativos, e Julio Aparecido, especialista sênior em Commodities da Bloomberg. Aparecido enfatizou o papel da Bloomberg na propagação de estratégias de mercado eficazes para ajudar as empresas a alcançar a neutralidade de carbono com eficiência e transparência.


Você quer receber apenas notícias e vagas de emprego do seu interesse? A solução chegou através do app CPG VAGAS E NOTÍCIAS! Se você é pintor, vai receber no seu celular apenas oportunidades neste cargo. E será assim com pedreiro, técnico, engenheiro e etc..... Não perca nada do que acontece no mercado de trabalho e econômico do Brasil, baixe agora o app CPG VAGAS E NOTÍCIAS, disponível para Android e IOS!

APP CPG VAGAS E NOTÍCIAS

Relacionados
Mais recentes
COMPARTILHAR
BANNER POPUP CPG VAGAS E NOTICIAS 2 Fechar