MENU
Menu
Início Preço compatível com a marca, bicicleta elétrica da Harley-Davidson vem com bateria potente e alcança até 168 km de autonomia, além de ser equipada com alta tecnologia

Preço compatível com a marca, bicicleta elétrica da Harley-Davidson vem com bateria potente e alcança até 168 km de autonomia, além de ser equipada com alta tecnologia

22 de dezembro de 2022 às 15:30
Compartilhe
Compartilhar no WhatsApp
Compartilhar no Facebook
Compartilhar no LinkedIn
Compartilhar no Telegram
Compartilhar no Twitter
Compartilhar no E-mail
Siga-nos no Google News
Preço compatível com a marca Bicicleta elétrica da Harley-Davidson têm bateria que proporciona até 168 km de autonomia e é equipada com alta tecnologia
Fonte: Harley-Davidson/Divulgação

Harley-Davidson lança bicicleta elétrica tecnologicamente avançada que possui conexão com a Google Cloud e conta com baterias de íon-lítio com capacidade de até 0,7 kWh

Trabalhando além do mercado de motos, a Harley-Davidson chega com um lançamento incrível de bicicletas elétricas. A fabricante anunciou esse ano, o lançamento da segunda geração da Serial 1, sua submarca de e-bikes. Os novos modelos vem com uma grande novidade, além de muito estilo. Os modelos possuem conexão com o serviço Google Cloud.

Os modelos, Bash, Rush/Cty Speed, Rush/Cty Speed Thru e Mosh, são as três versões disponíveis. Um dos modelos é Mountain Bike, enquanto os outros foram projetados para deslocamento urbano. 

Artigos recomendados

Os valores são compatíveis com a marca, os modelos mais baratos não sabem por menos de R$18.000 em conversão direta. A comunicação com o Google Cloud permite fornecer a rota mais otimizada a qualquer momento, bem como a capacidade de monitorar e desativar a bicicleta em caso de perda ou roubo.

Os motores elétricos dessas bicicletas elétricas da Harley-Davidson tem 9,2 kgfm de torque e são acoplados a uma transmissão continuamente variável (CVT). Os motores estão localizados no pé da vela e a maior velocidade possível dentre os modelos fica entre 32 e 45 quilômetros por hora. 

Os modelos desenvolvidos para uso na cidade, que incluem a Rush/Cty Speed, Rush/Cty Speed Thru e Mosh, vêm com baterias de íon-lítio substituíveis e com capacidade de 0,5 kWh ou 0,7 kWh. Essas baterias são capazes de fornecer um alcance que varia de 48 km a 144 km ou de 56 km a 168 km, respectivamente.

No guidão da bicicleta elétrica da Harley-Davidson tem um display que permite ao ciclista monitorar as informações e escolher o modo de condução. Existem quatro modos diferentes disponíveis, incluindo Eco, Tour, Sport e Boost. 

Bicicleta elétrica da Harley-Davidson tem versão no estilo Mountain Bike com suspensão SR Suntour NCX e os pneus Michelin E-Wild de alta aderência

A e-bike vem com quadro em alumínio e contém entrada tipo usb, além disso a bike conta também com farol e lanterna de LED e vem equipada com porta objetos. Para mais conforto e segurança os são freios a disco e manetes hidráulicos. 

É importante lembrar que as informações coletadas pelo Google são enviadas para o App Serial 1, que traz estatísticas de consumo, relatórios de percursos e alertas sobre problemas mecânicos da bike, além de outras informações.

O modelo Bash/Mtn, tem mais uma novidade , é uma edição limitada, que vem em uma tiragem de 1.050 unidades e foi projetada especificamente para venda nos Estados Unidos e na Europa. A suspensão SR Suntour NCX e os pneus Michelin E-Wild de alta aderência são padrão na Mountain Bike, que também possui gráficos exclusivos.

E-Bikes da Harley-Davidson tem preço considerado elevado, mesmo para o mercado exterior

Os preços variam de US$ 3.799 (cerca de R$ 18.300) para o modelo Mosh até US$ 5.599 (cerca de R$ 27.000) para a versão Rush/Cty Speed. A princípio pode parecer um pouco caro, mesmo para o mercado exterior. Mas é importante lembrar que se trata de uma bicicleta elétrica da Harley-Davidson.

Relacionados
Mais recentes
COMPARTILHAR