Home > Sem categoria

Petrobras bateu o martelo e papou três áreas do pré-sal de uma só vez

Paulo Nogueira
por
-
28-05-2017 13:16:32
em Sem categoria
Petrobras exerece direito de preferência sob três plataformas do pré-sal

Com direito de preferência, A Petrobras escolheu três das oito que serão leiloadas no 2ª semestre de 2017

A Petrobras que não é boba nem nada, já saiu na frente e escolheu as três áreas mais produtivas do pré-sal no país em um total de oito. Mas isso não é nada inconstitucional, pelo contrário, há uma lei que lhe permite ter preferência em qualquer ativo de sua escolha, independente de quem ganhará os demais consórcios, desde que sua participação mínima seja de 30%. As áreas escolhidas por ela são:

  • Sapinhoá
  • Peroba
  • Alto de Cabo Frio

Sapinhoá pertence a o segundo lance das rodadas licitatórias , já  às áreas de Peroba e Cabo Frio Central, ainda pertencem a terceira rodada, que provavelmente acontecerão no dia 27 de outubro deste ano.

O valor estimado de investimentos para a Petrobras, pressupondo que ela manterá essa taxa de 30% nas participações, será de cerca de R$810 milhões.

Lembrando que nos primeiros arremates do pré-sal, mais especificamente á área de Libra, a Petrobras ficou com 40%. As demais operadoras constituídas pela Shell, Total, CNOOC e CNPC, dividiram os 60% do setor produtivo.

Pedro Parente, presidente da estatal, disse em entrevista que as decisões foram tomadas exclusivamente em características técnicas e financeiras que a empresas está vivenciando no momento.

Solange Guedes, diretora de área,  infelizmente complementou que para juntar esses R$810 milhões, e empresa terá que adiar projetos exploratórios e de produção, dando prioridade ao plano de desvestimentos da BR, apesar das atividades neste setor ser bem intensa e deter ainda muitas áreas fora do pré-sal.

Sobre as áreas que a Petrobras papou

  1. Sapinhoá é uma região que já está em atividades plenas. Também está em segundo lugar em termos de tamanho e produção diárias de barris de petróleo, chegando a marca de 253 barris todos os dias. Petrobras, Shell e Repsol estão operando nela.
  2. Peroba é a área que mais produz, que não fica muito longe do Campo de Lula, cerca de cinquenta quilômetros. A Petrogal e Shell também operam está área juntamente com a Petrobras, é claro.
  3. Alto do Cabo Frio Central é uma sítio de hidrocarbonetos com pouco exploratividade, mas com um potencial monstruoso, já que estudos técnicos indicam que está área é o maior já descoberta em território nacional.

Ainda a assolada pela crise, a Petrobras espera com esses arremates retomar o nome e o prestígio no mercado internacional, faltando agora resolver algumas questões de conteúdo local e a crise política que assola o país.

Tags:
Paulo Nogueira
Com formação técnica, atuei no mercado de óleo e gás offshore por alguns anos. Hoje, eu e minha equipe nos dedicamos a levar informações do setor de energia brasileiro e do mundo, sempre com fontes de credibilidade e atualizadas.