Home > Sem categoria

Petrobras solicita licenciamento para instalação de torre eólica no mar do RN

Paulo Nogueira
por
-
05-12-2019 09:41:03
em Sem categoria

O pedido de instalação da Petrobras foi feito ao Ibama no início de outubro, porém até o momento ainda não houve resposta do órgão

A Petrobras planeja instalar no litoral potiguar uma torre eólica de 80 metros que será usada no abastecimento de energia da plataforma da empresa do município de Guamaré-RN. Veja também que a Petrobras coloca à venda mais dois blocos exploratórios de produção terrestre.

A estimativa é que a instalação demande um ano de licenças, de três a oito meses de montagem e uma previsão de investimento para a Petrobras que pode chegar a 20 milhões de euros, além do alto custos adicionais de manutenção no mar.

“Em termo de custo, é maior sim, mas a capacidade de produção também é maior, porque existem menos limitadores. No mar, uma torre pode ter capacidade de 10 mw, enquanto, em média, em terra, uma torre produz 4 mw”, comentou Sérgio Godinho, diretor da empresa Veritas Engenharia, responsável pelos estudos ambientais relacionados à instalação da torre eólica.

O equipamento será construído pela Petrobras em uma plataforma no campo de Ubarana 3, a PUB-3, e aumentaria o potencial de produção de energia do RN. O potencial eólico offshore, identificado no litoral potiguar e do Ceará, é de aproximadamente 140 GW e equivale a mais de 10 vezes a capacidade nacional.

O Brasil ainda não possui um marco regulatório que defina as regras para produção, compra e venda da energia eólica offshore. Segundo o Centro de Estratégias em Recursos Naturais e Energia (Cerne), uma proposta ainda está em fase de análise e discussão, mas ainda não foi consolidada.

Veja também

Tags:
Paulo Nogueira
Com formação técnica, atuei no mercado de óleo e gás offshore por alguns anos. Hoje, eu e minha equipe nos dedicamos a levar informações do setor de energia brasileiro e do mundo, sempre com fontes de credibilidade e atualizadas.