Menu
Início Montadoras paralisam produção de veículos como o Chevrolet Onix, Fiat Cronos e Toyota Hillux, após tragédia no Rio Grande do Sul

Montadoras paralisam produção de veículos como o Chevrolet Onix, Fiat Cronos e Toyota Hillux, após tragédia no Rio Grande do Sul

12 de maio de 2024 às 19:25
Compartilhe
Compartilhar no WhatsApp
Compartilhar no Facebook
Compartilhar no LinkedIn
Compartilhar no Telegram
Compartilhar no Twitter
Compartilhar no E-mail
Siga-nos no Google News
As enchentes e bloqueios de estradas no Rio Grande do Sul causaram sérios prejuízos à produção e distribuição de veículos.
Foto: Canva

As enchentes e bloqueios de estradas no Rio Grande do Sul causaram sérios prejuízos à produção e distribuição de veículos. General Motors, Stellantis e Toyota enfrentam interrupções nas operações, mas demonstram solidariedade ao apoiar funcionários e comunidades afetadas.

A recente tragédia climática que assolou o Rio Grande do Sul não só provocou devastação em comunidades locais, mas também abalou severamente a indústria automobilística. As enchentes e bloqueios de estradas afetaram a produção e distribuição de veículos, com montadoras como General Motors, Stellantis e Toyota contabilizando alguns prejuízos e adotando medidas emergenciais.

Centro de Distribuição de veículos da Toyota em Guaíba foi afetado

No que diz respeito à Toyota, seu centro de distribuição em Guaíba foi afetado pelas enchentes.

Artigos recomendados

Apesar disso, a empresa relata que os danos foram mínimos, com apenas cinco dos aproximadamente 1,1 mil veículos no local sendo danificados.

A distribuição de modelos como a Toyota Hilux e o SUV SW4 para diversas regiões do Brasil foi temporariamente comprometida, mas a Toyota está trabalhando para restabelecer suas operações.

Paralisação da produção de veículos na GM em Gravataí

A fábrica da General Motors em Gravataí, conhecida por produzir os veículos populares como o Chevrolet Onix e Onix Plus, suspendeu suas operações na última quarta-feira (8) por questões de segurança.

A GM, ciente da importância da responsabilidade social, está apoiando os funcionários afetados e a comunidade local por meio de doações de dinheiro, alimentos e roupas, além de disponibilizar veículos para operações de resgate.

GM paralisa sua produção após enchente no Rio Grande do Sul. Foto: Canva
GM paralisa sua produção após enchente no Rio Grande do Sul. Foto: Canva

Stellantis teve que paralisar produção em Córdoba

A Stellantis, empresa detentora da Fiat, enfrenta problemas semelhantes, suspendendo a produção em sua fábrica em Córdoba, Argentina.

A falta de peças para alguns veículos, devido aos bloqueios de estradas no Rio Grande do Sul, levou à interrupção na produção do Fiat Cronos.

A empresa está avaliando os impactos nos fornecedores e trabalhando para minimizar as consequências em suas plantas na região.

Solidariedade em meio à adversidade

Em um momento de crise, é reconfortante ver as empresas automotivas não apenas lidando com as consequências, mas também estendendo a mão para ajudar suas comunidades e colaboradores afetados.

Essa solidariedade destaca o compromisso das empresas com o bem-estar social e a resiliência diante de desafios imprevistos.

A tragédia climática no Rio Grande do Sul deixou marcas profundas em diversas áreas, incluindo a indústria automobilística.

Com a General Motors, Stellantis e Toyota entre as afetadas, é essencial que essas empresas continuem a colaborar com esforços de socorro e recuperação, garantindo não apenas a retomada de suas operações na produção e distribuição de veículos, mas também contribuindo para a reconstrução das comunidades locais.

Texto baseado em informações do UOL.

Inscreva-se
Notificar de
guest
2 Comentários
Mais antigos
Mais recente Mais votado
Feedbacks
Visualizar todos comentários
Relacionados
Mais recentes
COMPARTILHAR
2
0
Adoraríamos sua opnião sobre esse assunto, comente!x