Leilão do petróleo da cessão onerosa terá 14 empresas, veja quais são elas

Petróleo tem 14 interessados

Petróleo atrai 14 das maiores petroleiras do mundo ao mega leilão da cessão onerosa que acontecerá em novembro deste ano

Depois do Click Petróleo e Gás informar que a Petrobras e mais 6 petroleiras estrangeiras estão de olho no leilão da cessão onerosa, o resultado do final das inscrições, divulgados pela Comissão Especial de Licitação da Agência Nacional do Petróleo (ANP) foi melhor que o esperado.
14 empresa se inscreveram para o leilão do excedente da cessão onerosa, que está agendado para 6 de novembro deste ano.

Um dos principais pontos objetos de extensa negociação foi a aprovação da PEC que alterou o teto de gastos públicos e autorizou o governo a realizar a divisão do bônus da cessão onerosa.
Com isso a Petrobras poderá receber US$ 9 bilhões devido a um acordo de reajuste do contrato como forma de compensar os investimentos feitos pela petroleira nos blocos que serão licitados.

Para que a Petrobras receba o montante será necessário um acordo entre a Petrobras e o vencedor do leilão para definir o modelo de coparticipação.
O megaleilão da cessão onerosa, como ficou conhecido, seguirá o modelo de partilha da produção e vai licitar as áreas de Atapu, Búzios, Itapu e Sépia.

As empresas interessadas no petróleo dos campos são: BP, Chevron, CNOOC, CNODC, Ecopetrol, Equinor, ExxonMobil, Petrogal, Petrobras, Petronas, QPI, Shell, Total e Wintershall DEA.

A novidade deste leilão é que as petroleiras parcelem em duas vezes o bônus de assinatura dos contratos, que estão previstos para R$ 106 bilhões, desde que ofertem participação mínima da União no excedente de óleo de ao menos 5%.

O acordo da cessão onerosa foi assinado em 2010, onde Petrobras e União concordaram que a Petrobras pagaria pelo direito de explorar 5 bilhões de barris, do Pré sal, na Bacia de Santos.
Como o excedente por contrato pertence a Petrobras. é necessário um acordo, pois não estava previsto tal venda no contrato (as reservas de petróleo se confirmaram bem mais altas que as previsões).

Leia também ! RJ vai fechar no azul graças a dinheiro da cessão onerosa, diz governador !

Renato Oliveira

About Renato Oliveira

Engenheiro de Produção com pós-graduação em Fabricação e montagem de tubulações com 30 anos de experiência em inspeção/fabricacão/montagem de tubulações/testes/Planejamento e PCP e comissionamento na construção naval/offshore (conversão de cascos FPSO's e módulos de topsides) nos maiores estaleiros nacionais e 2 anos em estaleiro japonês (Kawasaki)