1. Início
  2. / Indústria
  3. / Exército Brasileiro começou a receber os novos helicópteros Sikorsky UH-60 Black Hawk, versão M, substituindo modelos antigos e aumentando a eficiência operacional
Tempo de leitura 3 min de leitura Comentários 0 comentários

Exército Brasileiro começou a receber os novos helicópteros Sikorsky UH-60 Black Hawk, versão M, substituindo modelos antigos e aumentando a eficiência operacional

Escrito por Bruno Teles
Publicado em 14/05/2024 às 17:27
Exército Brasileiro começou a receber os novos helicópteros Sikorsky UH-60 Black Hawk, versão M, substituindo modelos antigos e aumentando a eficiência operacional
Foto: NC Military/Divulgação

Como parte de uma modernização significativa, o Exército Brasileiro está incorporando dois novos helicópteros Sikorsky UH-60 Black Hawk versão M. Essa atualização substituirá modelos mais antigos, como o Black Hawk e o Cougar, enfrentando dificuldades operacionais. Além de fortalecer as capacidades de manobra e operações especiais, a aquisição visa padronizar a frota, melhorando a logística e a eficiência tecnológica através do programa Foreign Military Sales dos Estados Unidos.

O Exército Brasileiro, seguindo seu Projeto de Capacidade de Manobra do Programa Estratégico de Aviação, adquiriu doze novos helicópteros UH-60 Black Hawk versão M. Essa modernização vem para substituir os antigos Black Hawks e helicópteros Cougar, que já não participam atender às necessidades operacionais e tecnológicas das forças armadas.

Os presidentes foram adquiridos através do programa Foreign Military Sales (FMS) dos Estados Unidos, destacando a parceria contínua entre os dois países em defesa e tecnologia militar. A operação dessas novas aeronaves será compartilhada entre até três Batalhões de Aviação do Exército, localizadas a serem definidas pelo Estado-Maior do Exército (EME).

Exército Brasileiro também está em negociações com os EUA para modernizar os atuais helicópteros

Em termos de logística e manutenção, a Portaria nº 1301-EME/C Ex, emitida em 23 de abril, já autorizou a desativação dos helicópteros HM-2 Black Hawk e HM-3 Cougar. As peças dessas aeronaves serão reutilizadas para manter os modelos que continuarão em serviço.

Além de adquirir novas unidades, o Exército Brasileiro também está em negociações com os EUA para modernizar os atuais helicópteros UH-60 L Black Hawk para a versão M, que oferece melhorias significativas em aviônicos, sistemas e capacidade de carga.

Detalhes técnicos do Sikorsky UH-60 Black Hawk Versão M

Capacidade: transportar até onze passageiros ou uma combinação de carga e tripulação, com dois pilotos. Desempenho: velocidade máxima de cerca de 280 km/h, alcance de 600 km e teto de serviço de 6.000 metros.

Missões: ideal para transporte de tropas, evacuação médica, operações especiais e busca e resgate. Histórico: o Black Hawk está em serviço desde a década de 70, provando ser uma das aeronaves mais confiáveis ​​e versáteis em operações militares internacionais. A versão M é uma atualização com mais de cinco mil unidades produzidas e exportadas para pelo menos 35 países.

Esta renovação da frota de helicópteros não apenas fortalece a capacidade operacional do Exército Brasileiro, mas também garante que o Brasil continue a ter um dos corpos de aviação mais avançados e eficazes da América Latina.

Inscreva-se
Notificar de
guest
0 Comentários
Feedbacks
Visualizar todos comentários
Bruno Teles

Falo sobre tecnologia, inovação, petróleo e gás. Atualizo diariamente sobre oportunidades no mercado brasileiro. Sugestão de pauta? Manda no brunotelesredator@gmail.com

Compartilhar em aplicativos
0
Adoraríamos sua opnião sobre esse assunto, comente!x