MENU
Menu
Início Empregos à vista: Maersk amplia serviços terrestres no Brasil após compra do maior lote de cavalos mecânicos já entregue pela Volkswagem

Empregos à vista: Maersk amplia serviços terrestres no Brasil após compra do maior lote de cavalos mecânicos já entregue pela Volkswagem

29/11/2022 às 15:43
Compartilhe
Compartilhar no WhatsApp
Compartilhar no Facebook
Compartilhar no LinkedIn
Compartilhar no Telegram
Compartilhar no Twitter
Compartilhar no E-mail
Siga-nos no Google News
maersk, Volkswagen, caminhões
A Maersk afirma que vai gerar 147 novas vagas de empregos para motoristas e profissionais da área administrativa

Caminhões serão destinados ao transporte de produtos agrícolas da indústria e do varejo, permitindo expansão de serviços logísticos da companhia pelo país

A A.P. Moller – Maersk, gigante global em serviços logísticos, anunciou que vai expandir sua atuação em transporte terrestre após a compra de novos caminhões encomendados à Volkswagem. A companhia de origem dinamarquesa adquiriu 222 novas carretas e 113 “cavalos mecânicos” (EURO 5 Meteor e Constellation), sendo esse o maior lote do modelo já entregue pela montadora.

Os novos caminhões entregues pela Volkswagem são indicados para o transporte rodoviário de carga para médias e longas distâncias. Assim, a Maersk irá expandir seus negócios que envolvem o setor de alimentos e bebidas, eletrônicos, utensílios domésticos e até itens de uso pessoal.

Artigos recomendados

A companhia espera entregar uma experiência ainda mais eficaz rápida aos seus clientes. Na prática, enquanto um contêiner está sendo descarregado, outro já pode ser acoplado ao cavalo mecânico e seguir viagem. Agora são 162 caminhões próprios fazendo a logística de ponta a ponta em mais regiões do Brasil. Todos monitorados 24 horas por dia, em tempo real, com equipe especializada lotada numa torre de controle.

“Nossos clientes buscam cada vez mais um serviço com excelência operacional. Aliados com esta sinalização, avançamos na construção de uma rede end-to-end em terra para nossos clientes. Os investimentos no Brasil na ampliação de nossa frota própria irão permitir uma experiência valiosa para a jornada  de nossos clientes em linha com a nossa estratégia global. Vale ressaltar que nossa rede de transporte terrestre (Landside Transportation) também conta com parcerias estratégicas em todo o território nacional”.

Fernando Camargo – Head of Landside Transportation Brazil

Vagas de emprego

A Maersk afirma que vai gerar 147 novas vagas de empregos para motoristas e profissionais da área administrativa devido a expansão das rotas e mercadorias para transportar.

Nova frota terrestre vai casar com novos negócios portuários

Com essa expressiva compra à Volkswagem, a Maersk fortalece suas rotas de São Paulo ao Amazonas e amplia a atuação rodando agora na Bahia, Pernambuco e em Santa Catarina, lugares onde a companhia tem se consagrado em embates jurídicos para novos negócios.

No Porto de Itajaí (SC), a Superintendência portuária aceitou a proposta de R$ 2,3 milhões da APM Terminals para o arrendamento transitório depois que a Agência Nacional de Transportes Aquaviários (Antaq) ter declarado que competia à Autoridade Portuária escolher a melhor opção para manter as operações do porto itajaiense.

A princípio, a vencedora do edital foi a CTIL Logística com proposta de R$ 4 milhões. Porém, a Antaq disse que enxergou fragilidades no processo e anunciou que a decisão do certame é do município. A CTIL Logística ainda avalia quais medidas judiciais tomará.

Em Setembro, a companhia inaugurou um armazém no Porto do Cajamar em São Paulo. São 19,4 mil metros quadrados de uma instalação estrategicamente localizada perto dos principais mercados de bens de consumo de rápida circulação, varejo, tecnologia e eletrônicos, moda e estilo de vida, entre outros.

Em julho, a Maersk venceu um conturbado leilão de uma área no estaleiro Atlântico Sul, no Porto de Suape, em Pernambuco. O processo foi marcado por um polêmico embate judicial. A companhia pretende movimentar 400 mil contêineres no local.

A sequência de recordes em lucros da Maersk

O terceiro semestre de 2022 da Maersk foi marcado com uma alta de 37% maior que o mesmo período do ano passado, nos negócios marítimos, logística & serviços e terminais. O EBITDA e o EBIT aumentaram cerca de 60% em comparação com o terceiro trimestre de 2021.

A receita de julho, agosto e setembro aumentou para US$ 22,8 bilhões, o EBITDA aumentou para US$ 10,9 bilhões e o EBIT aumentou para US$ 9,5 bilhões. O lucro foi de US$ 8,9 bilhões no período terceiro trimestre e US$ 24,2 bilhões nos primeiros nove meses do ano.

Segundo a companhia, o impulso contínuo na transformação estratégica, o crescimento em Logística e os valores dos contratos marítimos acima do ano anterior foram os principais impulsionadores da melhoria do desempenho.

“Nosso resultado do terceiro trimestre foi outro recorde e o 16º trimestre consecutivo com crescimento de lucro ano a ano. As tarifas de frete marítimo, que impulsionaram os resultados excepcionais que entregamos em 2022, aumentaram novamente tanto na comparação anual quanto na comparação com o segundo trimestre deste ano. No entanto, está claro que os valores dos fretes atingiram o pico e começaram a se normalizar durante este trimestre, impulsionadas tanto pela diminuição da demanda quanto pelo alívio do congestionamento na cadeia de suprimentos. Pela primeira vez, a receita em Logística ultrapassou US$ 4 bilhões em um trimestre, e esperamos continuar superando o mercado de Logística com base na conquista de novos clientes”.

Soren Skou – CEO da AP Moller – Maersk.

Relacionados
Mais recentes
COMPARTILHAR