Início Curitiba começa testes da luminária 5G. É a primeira cidade no mundo a testar essa nova tecnologia de internet via wi-fi para celulares e dispositivos públicos que vai integrar as cidades inteligentes do futuro

Curitiba começa testes da luminária 5G. É a primeira cidade no mundo a testar essa nova tecnologia de internet via wi-fi para celulares e dispositivos públicos que vai integrar as cidades inteligentes do futuro

5 de julho de 2022 às 10:10
Compartilhe
Siga-nos no Google News
curitiba cidades inteligentes luminária 5G tecnologia internet wi-fi
Testes começaram na última semana e vão prosseguir | Foto: DPL News

Os testes da luminária 5G em Curitiba começaram no último dia 22 e funcionam como antenas de internet via wi-fi

Curitiba ingressa em uma nova fase como cidade inteligente e começa a testar uma luminária 5G capaz de fornecer internet via wi-fi em ambientes públicos. Os testes iniciaram no último dia 22 de junho e deram a Curitiba o título de primeira cidade do mundo a ter essa tecnologia. O desempenho desse dispositivo está sendo avaliado por uma parceria firmada entre a Prefeitura de Curitiba, a Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI), o Ministério das Comunicações e a operadora Ligga Telecom.

Na prática, a luminária 5G vai funcionar como um hub de serviços, fornecendo internet gratuita via wi-fi para locais públicos próximos a ela. A instalação foi feita na esquina entre a Avenida Cândido de Abreu e a Rua Lysimaco Ferreira da Costa, nas redondezas da prefeitura. Quer saber mais? Leia o texto e descubra como vai funcionar essa tecnologia.

Artigos recomendados

Saiba mais sobre a luminária 5G de Curitiba no vídeo abaixo

Luminária 5G vai fornecer internet gratuita em espaços públicos se os testes derem certo | Reprodução — YouTube: Record News

Nova tecnologia vai trazer benefícios para diversos setores da cidade como Educação, Telemedicina e Segurança Pública

A inovação da luminária 5G é mais um passo em direção à consolidação de Curitiba dentro do conceito de cidades inteligentes. Além de fornecer uma internet 100 vezes mais rápida que a 4G, esse dispositivo tem outras funções como telegestão, câmeras de monitoramento, gestão de semáforos, sensores de ruído e até reconhecimento facial.

Essa tecnologia vai beneficiar diversos setores da sociedade, em especial a Educação e a Segurança Pública, por meio de uma gestão mais presente nos espaços públicos. Em resumo, a luminária 5G vai conseguir espalhar o sinal de internet via wi-fi e levar maior conectividade aos moradores. Todavia, nessa fase inicial de testes, o wi-fi ainda não estará disponível para os consumidores, apenas para equipamentos que precisam de internet para funcionar. Mas, se tudo der certo, logo os moradores terão acesso a isso.

“É uma das soluções para a instalação da infraestrutura necessária para a nova rede móvel, que exige elevado número de antenas para que a tecnologia 5G opere nas cidades”.

Prefeito de Curitiba, Rafael Greca, durante cerimônia de inauguração (2022).

A grande Curitiba foi escolhida por já ser um ótimo modelo de cidade inteligente a nível mundial, o que vai permitir que a prefeitura alugue antenas para companhias de telefonia móvel

Curitiba foi a escolhida para receber os testes porque já está entre as grandes cidades inteligentes do mundo e tem modelos de governança, tecnologia e inovação avançados. A luminária traz ainda mais visibilidade e contribui para a inovação.

“A parceria com uma cidade tão madura como Curitiba vai realmente fomentar o desenvolvimento de novos serviços para os cidadãos e para as empresas”.

Igor Calvet, presidente da Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI) (2022)

A prefeitura, que faz a gestão da iluminação pública, poderá também ter um aumento na receita por meio do aluguel das antenas 5G a companhias de telefonia móvel. A população poderá ter acesso a uma internet de velocidade rápida e sem custos no futuro, quando os testes mostrarem resultados positivos.

Luminária 5G começa com os testes em Curitiba, mas vai prosseguir em outras cidades do Brasil

Os testes da luminária 5G estão ocorrendo em faixas com registro entre 27.5 e 27.9 GHz (gigahertz). A instalação e a avaliação do desempenho fazem parte do programa Conecta 5G, que vai estimular a nova velocidade de internet para o Brasil. As empresas Nokia e Juganu foram as responsáveis por desenvolver o dispositivo, com tecnologia Qualcomm. Contudo, outras cidades também vão receber os testes em breve:

  • Araguaína (TO);
  • Canaã dos Carajás (PA);
  • Ceará-Mirim (RN);
  • Foz do Iguaçu (PR);
  • Jaraguá do Sul (SC);
  • Juiz de Fora (MG);
  • Maceió (AL);
  • Paraipaba (CE);
  • Parauapebas (PA);
  • Pato Branco (PR);
  • Petrolina (PE);
  • Picos (PI);
  • Sorocaba (SP).

Os órgãos responsáveis pelos testes ainda analisam quais serão as próximas ruas a receberem a inovação em Curitiba.

Curtiu? Apoie nosso trabalho seguindo nossas redes sociais e tenha acesso a conteúdos exclusivos. Não esqueça de comentar e compartilhar.
Facebook Facebook
Twitter Twitter
LinkedIn LinkedIn
YouTube YouTube
Instagram Instagram
Telegram Telegram
Google News Google News

Relacionados
Mais recentes