1. Início
  2. / Economia
  3. / A partir de 1º de abril de 2023, a proporção de biodiesel misturado ao diesel aumentará para 12%
Tempo de leitura 2 min de leitura

A partir de 1º de abril de 2023, a proporção de biodiesel misturado ao diesel aumentará para 12%

Escrito por Bruno Teles
Publicado em 30/03/2023 às 18:25
mistura de biodiesel
mistura de biodiesel (foto/divulgação)

A última quarta-feira (29), foi marcada pelo anúncio oficial do Brasil para a mistura de biodiesel de forma gradual. 

De acordo com a Resolução nº 16 do Conselho Nacional de Política Energética publicada no Diário Oficial da União, novas diretrizes foram estabelecidas pelo Governo Federal quanto ao percentual de biodiesel que pode ser adicionado ao óleo diesel vendido ao consumidor final.

Saiba mais sobre a inclusão da mistura de biodiesel ao óleo diesel

A partir de 1º de abril de 2023, a proporção de biodiesel misturado ao diesel aumentará de 10% para 12%.  Posteriormente, em 2024, o percentual avançará para 13%, seguido de 14% em 2025 e 15% em 2026. O biodiesel, combustível biodegradável fabricado a partir de fontes naturais, como gorduras animais e óleos vegetais, é considerado mais ecológico que o petróleo opções de combustível baseadas em

Conforme avaliação do CNPE sobre a oferta e demanda de biodiesel, o prazo de vigência do teor acima pode ser antecipado. A produção nacional deverá passar dos atuais 6,3 bilhões de litros por ano para mais de 10 bilhões de litros até 2026. Além disso, espera-se que as importações de diesel diminuam 1 bilhão de litros em 2023 e 4 bilhões de litros em 2026.

“Essa medida traz segurança e previsibilidade ao setor, estimula a geração de empregos e o investimento em biocombustíveis e ajuda a reduzir as importações. A decisão salva o plano nacional de produção e uso do biodiesel e fortalece a estratégia nacional de transição energética, além de fortalecer a posição do Brasil como um dos maiores produtores mundiais de biocombustíveis”, disse o ministro de Minas e Energia, Alexandre Silveira em 17 de março, dia em que o CNPE aprovou a medida.  A reunião onde foi tomada a decisão contou com a presença do Presidente da República.

Aumento da mistura de biodiesel preocupa produtores

O aumento do teor de biodiesel no diesel é uma preocupação das empresas de transporte rodoviário. Os transportadores alertaram porque o Conselho Nacional de Política Energética (CNPE) aprovou uma resolução em 17 de março concordando em adicionar os atuais 10% a 12% de biodiesel ao diesel vendido no Brasil.

Embora o objetivo da adição de biodiesel seja reduzir os níveis de emissão dos veículos movidos a diesel, porcentagens acima dos atuais 10% têm se mostrado prejudiciais aos motores e aos transportadores de custos. O aumento do consumo de caminhões, aumento dos custos de manutenção e possível impacto no meio ambiente são os principais motivos de preocupação.

Os principais problemas encontrados nos veículos são filtros de combustível entupidos levando a tempos de troca mais curtos, bicos injetores entupidos para limpeza e formação de depósitos e borras no interior do motor.

Bruno Teles

Falo sobre tecnologia, inovação, petróleo e gás. Atualizo diariamente sobre oportunidades no mercado brasileiro. Sugestão de pauta? Manda no brunotelesredator@gmail.com

Compartilhar em aplicativos