Transpetro quer aumentar escala de embarque para 90×90, denunciam marítimos

Transpetro Marítimos sindicato protesto

Alguns prestadores de serviços concursados da Transpetro, subsidiária da Petrobras, protestam contrata nova proposta de reajustes. Entendam

Nesta semana, o CPG recebeu uma reclamação-denuncia de marítimos da Transpetro a respeito de alterações em regime de escala de embarque e alteração de salários. Segundo informações que chegaram até nossa equipe, foi que, já havia um acordo anterior estabelecido para que houvesse redução de salário entre 10% à 15% em troca de manter um regime de trabalho de 60×60. Ma devido algumas alterações no volume de operações da Transpetro, segundo a mesma, a proposta de mudança é para 90×90 segundo os sindicatos. Entendam:

Proposta de escala da Transperto

“Após a implantação do regime de embarque 1×1 (60×60) em toda a frota, a companhia analisou a aderência do tempo de embarque às características das viagens realizadas pelos seus navios. As viagens de longo curso aumentaram significativamente, respondendo hoje por cerca de 30% de todas as viagens, diferentemente das condições do início da implantação do novo regime.

Tal mudança impacta na logística de rendição para o cumprimento do 60×60. A alteração do tempo de embarque para 90×90 aumenta a previsibilidade da programação de repouso dos tripulantes, possibilitando o cumprimento dos períodos estabelecidos para embarque e descanso, com ganhos para os empregados.” Trecho retirado da ACT-Mar 2019-2020.

A reclamação dos marítimos é que esta escala de 60 dias de embarque é muito intensa, 90 dias ou três meses longe de casa e de familiares não é concebível, sendo que já havia acordo de redução de salário em troca de manter a escala atual.

Logo abaixo deixaremos a proposta da Transpetro na integra. Vale lembrar que este texto não representa opinião, apenas de carácter informativo.

Transpetro apresenta para sindicatos nova proposta com avanços

Companhia propõe reajuste de 0,5% nas Tabelas Salariais e Vale Refeição, reajuste nos Benefícios Educacionais e Programa Jovem Universitário conforme tabela Petrobras, embarque de 90×90 e manutenção dos benefícios.

A Transpetro se reuniu nesta segunda-feira (25/11) com a Confederação Nacional dos Trabalhadores em Transportes Aquaviários e Aéreos, na Pesca e nos Portos (Conttmaf), com a Federação Nacional dos Trabalhadores em Transportes Aquaviários e Afins (FNTTAA) e demais entidades sindicais marítimas afiliadas. A companhia apresentou avanços em nova proposta para a negociação do Acordo Coletivo de Trabalho (ACT) Mar 2019-2020.

Durante o encontro, a empresa destacou que sua a sustentabilidade do segmento de Transporte Marítimo precisa ser levada em consideração durante as negociações. Lembrou também que é importante verificar os benefícios e o pacote remuneratório oferecidos pela empresa, comparando-os com as condições oferecidas por outras companhias do setor.

Proposta Econômica – A companhia propôs o reajuste de 0,5% sobre os valores das Tabelas Salarias e Vale Refeição/Alimentação a partir de 1º de novembro de 2019.

Benefícios Educacionais – Reajuste dos Benefícios Educacionais e do Programa Jovem Universitário a partir de 1º de janeiro de 2020, conforme tabelas Petrobras

Alteração do Tempo de Embarque – Após a implantação do regime de embarque 1×1 em toda a frota, a companhia analisou a aderência do tempo de embarque às características das viagens realizadas pelos seus navios. As viagens de longo curso aumentaram significativamente, respondendo hoje por cerca de 30% de todas as viagens, diferentemente das condições do início da implantação do novo regime.

  • Tal mudança impacta na logística de rendição para o cumprimento do 60×60. A alteração do tempo de embarque para 90×90 aumenta a previsibilidade da programação de repouso dos tripulantes, possibilitando o cumprimento dos períodos estabelecidos para embarque e descanso, com ganhos para os empregados.
  • Vale ressaltar que o processo de implantação do 1×1 em toda a frota está em fase de ajustes, tendo em vista que os tripulantes ainda não completaram três ciclos completos de embarque e desembarque. Com isso, qualquer análise quanto ao cumprimento efetivo do tempo de embarque só será possível após os ajustes propostos e maior prazo de amadurecimento da mudança, levando em consideração que a implantação de um novo regime requer adaptação de todos, empresa e empregados.

Manutenção dos benefícios – A Transpetro é a empresa de logística e transporte que oferece o melhor e mais atraente pacote de benefícios socioeconômicos entre todas as que atuam no setor de navegação do País. Contribuindo para a melhoria da qualidade de vida dos marítimos e seus dependentes, a companhia proporcionou conquistas importantes para a categoria ao longo dos anos.

Os benefícios incluem auxílio creche e educação, plano de saúde e benefício farmácia mesmo para aposentados e plano de previdência.

Confira abaixo os principais pontos da nova proposta

  • Proposta Econômica
  • Reajuste de 0,5% sobre os valores das Tabelas Salarias e Vale Refeição/Alimentação
  • Benefícios Educacionais
  • Reajuste dos Benefícios Educacionais e do Programa Jovem Universitário a partir de 01/01/2020, conforme tabelas Petrobras
  • Adiantamento do 13º salário
  • Pagamento conforme legislação vigente, com a primeira parcela até 30/11 e a segunda até 20/12
    Férias
  • Manutenção da gratificação em 100% com mudança na forma de pagamento (2/3 como abono).
  • Bonificação de Viagem ao Exterior
  • Pagamento devido até o dia da saída do último porto de escala no exterior
  • Período de embarque – Alteração do período de embarque de toda a frota para 90×90 ( atualmente 60×60)
  • Adicional do Estado do Amazonas
  • Redução gradual
  • Programa Jovem Universitário
  • Manter beneficiários atuais. Não permitir novas adesões
  • AMS
  • Mantido o Programa de Assistência Multidisciplinar de Saúde, condicionado às normas emitidas pela Petrobras.
  • Contribuição Educacional
  • Descontinuidade
  • Liberações sindicais
  • Liberação para realização de atividades junto ao sindicato, com ônus total para a entidade sindical (remuneração mais encargos)
    A nova proposta representa o esforço da empresa no atendimento aos pleitos das entidades sindicais e aos anseios dos empregados. A companhia aguarda a avaliação por parte dos empregados e seus representantes.

Paulo Nogueira

About Paulo Nogueira

Formado em Eletrotécnica e entusiasta do setor de tecnologia, com experiência no setor O&G em empresas nacionais e internacionais.