1. Início
  2. / Indústria
  3. / Marinha do Brasil se equipa com radar de 370 km e se junta a potências tecnológicas como EUA, Rússia e China!
Tempo de leitura 3 min de leitura Comentários 0 comentários

Marinha do Brasil se equipa com radar de 370 km e se junta a potências tecnológicas como EUA, Rússia e China!

Escrito por Valdemar Medeiros
Publicado em 15/06/2024 às 07:39
Marinha do Brasil se equipa com radar de 370 km e se junta a potências tecnológicas como EUA, Rússia e China!
Foto: Reprodução/Youtube

Novo radar da Marinha do Brasil conta com tecnologia de ponta e pode detectar navios a 370 km de distância. País se junta a potências como EUA, Rússia e China, confira todos os detalhes!

A empresa brasileira IACIT e a Marinha do Brasil assinaram recentemente um contrato para fornecimento de dados do Radar Além do Horizonte – OTH 0100, instalado no sítio do Farol do Albardão, no Rio Grande do Sul. O acordo para o novo radar da Marinha, celebrado na sede da Diretoria-Geral do Material da Marinha do Brasil (DGMM), no Rio de Janeiro, representa um avanço tecnológico estratégico para a proteção e defesa da Amazônia Azul.

Novo radar da Marinha do Brasil tem capacidade para alcançar 370 km

O contrato foi assinado pelo Vice-Almirante (EN) Celso Mizutani Koga, Diretor de Gestão de Programas da Marinha (DGePM), e pelo presidente da IACIT, Luiz Teixeira. A cerimônia contou com a presença do Almirante de Esquadra Edgar Luiz Siqueira Barbosa, Diretor-Geral do Material da Marinha (DGMM), o Capitão de Mar e Guerra (EN) Josmar Carreiro Freitas, Assessor Técnico de Compensação Tecnológica e Industrial, e do Vice-Almirante Paulo José Rodrigues de Carvalho.

Desenvolvido pela IACIT, o novo radar da Marinha do Brasil é um sistema avançado de vigilância marítima que tem como principal característica a capacidade de monitorar grandes extensões oceânicas, alcançando até 200 milhas náuticas (cerca de 370 km) mar adentro.

Além de ameaças à soberania do País, o radar contribui no combate a atividades ilegais como tráfico de pessoas, contrabando, narcotráfico, pesca predatória e extração clandestina de recursos naturais, entre outras atividades ilegais. 

Os dados coletados pelo novo radar da Marinha do Brasil passam por complexas redes de processamento, que, através de algoritmos e inteligência artificial, conseguem indicar o comportamento do alvo monitorado, fornecendo uma consistente análise do grau de ameaça aos tomadores de decisão.

Afinal de contras, como funciona o novo radar da Marinha do Brasil?

O radar OTH 0100 da IACIT possui uma antena que emite ondas eletromagnéticas de alta frequência, que se propaga junto à superfície do mar e seguem a curvatura do globo. O feixe do radar é emitido e depois refletido na embarcação.

É captado de volta por antenas receptoras instaladas em forma de círculo. O sistema do novo radar da Marinha do Brasil analisa o sinal, suprimindo diferentes interferências encontradas na faixa de alta frequência, e identifica a embarcação.

Youtube/Reprodução

Segundo o presidente da IACIT, Luiz Teixeira, hoje a empresa passa a contribuir com a vigilância das águas territoriais por meio da Marinha do Brasil. Há confiança de que atingirá a meta de trazer para o Brasil a autonomia tecnológica neste segmento de radares.

Teixeira afirma também que a empresa possui tecnologias para, com apoio das suas forças e dos incentivos para PD&I, ter um país com capacidade para proteger sua soberania. O Almirante de Esquadra Edgar Luiz Siqueira Barbosa destacou a importância estratégica do fornecimento nacional e de uma base Industrial de Defesa fortalecida.

Marinha do Brasil se junta a grupo de países que possuem essa tecnologia

O sistema do novo radar da Marinha do Brasil possui uma arquitetura de processamento digital avançada que suprime interferências na faixa de alta frequência, garantindo alta precisão nas detecções. Com esta compra, o Brasil se junta a um grupo seleto de países que possuem essa tecnologia de ponta, como Estados Unidos, Rússia, França, Inglaterra, Canadá, Austrália, China e Israel.

Segundo Teixeira, o novo radar OTH 0100 posiciona o Brasil entre os países com sistemas mais modernos de monitoramento oceânico em todo o mundo. Para a empresa, é um motivo de orgulho e responsabilidade contribuir com a Marinha Brasileira na preservação das riquezas naturais e da soberania do país.

Inscreva-se
Notificar de
guest
❗❗❗Faça login para poder postar links, fotos, conectar com pessoas e muito mais. Seu perfil pode ser visto por mais de 1 milhão de usuários todos os dias😉
0 Comentários
Feedbacks
Visualizar todos comentários
Valdemar Medeiros

Jornalista em formação, especialista na criação de conteúdos com foco em ações de SEO. Escreve sobre Indústria Automotiva, Energias Renováveis e Ciência e Tecnologia

Compartilhar em aplicativos
0
Adoraríamos sua opnião sobre esse assunto, comente!x