1. Início
  2. / Automotivo
  3. / Jeep Avenger, O SUV compacto chamado de ‘sucessor do Renegade’ chegará com versão híbrida para acabar com Pulse, T-Cross, Kicks e Tracker!
Tempo de leitura 3 min de leitura Comentários 0 comentários

Jeep Avenger, O SUV compacto chamado de ‘sucessor do Renegade’ chegará com versão híbrida para acabar com Pulse, T-Cross, Kicks e Tracker!

Escrito por Roberta Souza
Publicado em 23/05/2024 às 15:34
“jeep”, “avenger”, “suv compacto”
Foto/reprodução: quatrorodas

Jeep Avenger pode chegar ao Brasil com versões 1.0 turbo e 1.3 turbo da Stellantis

De acordo com autoesporte, Jeep Avenger, um SUV compacto que já faz sucesso na Europa, está em estudo para chegar ao mercado brasileiro. Com design moderno e dimensões compactas, ele pode se tornar o novo modelo de entrada da Jeep no país. Neste artigo, exploraremos os detalhes do Avenger e como ele se compara ao popular Renegade. Além disso, discutiremos as opções de motorização e o que podemos esperar caso o Avenger seja lançado no Brasil.

Dimensões e design

O Jeep Avenger é um SUV compacto projetado na Itália e construído na Polônia com base na plataforma francesa CMP-2. Suas dimensões são ideais para a cidade, com 4,08 metros de comprimento, 1,78 metro de largura, 1,53 metro de altura e 2,56 metros de entre-eixos. Comparado ao Renegade, ele é um pouco menor, mas oferece um porta-malas mais generoso, com 380 litros de capacidade mínima.

O design do Avenger é moderno e minimalista. A cabine apresenta um painel de instrumentos e multimídia com grandes telas digitais de 10,25 polegadas. O acabamento em duas cores e o formato cascata conferem personalidade ao interior. Além disso, há poucos botões físicos, proporcionando uma experiência intuitiva ao dirigir.

“jeep”, “avenger”, “suv compacto”
Foto/reprodução: uol

Opções de motorização

Na Europa, o Avenger está disponível em três opções de motorização: elétrica, híbrida (4xe) e a combustão. No Brasil, a estratégia deve ser diferente. O modelo será produzido sobre a plataforma Bio-Hybrid, classificada como um micro-híbrido. Isso significa que ele não utilizará motores a combustão aspirados, apenas turbos.

Os motores escolhidos para o Avenger brasileiro são o 1.0 turbo e o 1.3 turbo da Stellantis. Este último, inclusive, é um híbrido pleno (e-DCT), semelhante ao utilizado no Jeep Compass. Essa configuração pode tornar o Avenger o primeiro híbrido flex da Stellantis produzido no Brasil.

Ficha técnica do Jeep Avenger

EspecificaçõesDetalhes
Produção2023 até o presente
Potência154 HP / 156 PS / 115 kW
Comprimento160,63 polegadas (408,0 cm)
Largura1,78 m
Altura1,53 m
Distância entre Eixos2,56 m
MotorizaçãoElétrico e híbrido
Versão Elétrica (Avenger EV)Potência: 156 hp / 115 kW, Capacidade da bateria: 54,0 kWh
Opções de Motor1.0 turbo e 1.3 turbo da Stellantis
DesignMinimalista, com painel de instrumentos e multimídia com telas digitais de 10,25 polegadas
Porta-Malas380 litros
Comparação com ConcorrentesEnfrentará modelos como o Volkswagen T-Cross, Fiat Pulse, Chevrolet Tracker e Nissan Kicks.

Possíveis obstáculos

Apesar das vantagens do Avenger, há desafios a serem superados. O custo elevado de adaptação das linhas de montagem e a construção do modelo podem de fato tornar os preços próximos aos do Renegade. Além disso, a importação do Avenger da Europa também não é viável devido aos custos adicionais e à conversão do câmbio.

“jeep”, “avenger”, “suv compacto”
Foto/reprodução: uol

No entanto, outro ponto a considerar é a oferta limitada na Europa, que ainda não inclui versões com transmissão automática ou conjunto híbrido. Mas caso o Avenger chegue ao Brasil, será importante avaliar como essas questões serão abordadas para atender às expectativas dos consumidores.

Portanto, o Jeep Avenger tem potencial para conquistar o mercado brasileiro como um SUV compacto moderno e tecnológico. Seu design atraente, dimensões ideais e opções de motorização podem torná-lo uma escolha interessante para quem busca um veículo urbano com personalidade. Resta aguardar as decisões da Stellantis e torcer para que o Avenger em breve esteja nas ruas do Brasil.

Inscreva-se
Notificar de
guest
❗❗❗Faça login para poder postar links, fotos, conectar com pessoas e muito mais. Seu perfil pode ser visto por mais de 1 milhão de usuários todos os dias😉
0 Comentários
Feedbacks
Visualizar todos comentários
Roberta Souza

Engenheira de Petróleo, pós-graduada em Comissionamento de Unidades Industriais, especialista em Corrosão Industrial. Entre em contato para sugestão de pauta, divulgação de vagas de emprego ou proposta de publicidade em nosso portal. Não recebemos currículos

Compartilhar em aplicativos
0
Adoraríamos sua opnião sobre esse assunto, comente!x