Menu
Início Investimento em Restauração Ecológica: Petrobras e BNDES destinam R$ 42 milhões para projetos no Cerrado e Pantanal.

Investimento em Restauração Ecológica: Petrobras e BNDES destinam R$ 42 milhões para projetos no Cerrado e Pantanal.

11 de dezembro de 2023 às 04:11
Compartilhe
Compartilhar no WhatsApp
Compartilhar no Facebook
Compartilhar no LinkedIn
Compartilhar no Telegram
Compartilhar no Twitter
Compartilhar no E-mail
Siga-nos no Google News
recuperação ecológica, reabilitação ecológica, regeneração ecológica
Iniciativa Floresta Viva abre inscrições para projetos em corredores de biodiversidade na Bahia, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Minas Gerais – Todos os direitos: Petrobrás

Projeto Floresta Viva abre inscrições para projetos em corredores de biodiversidade na Bahia, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Minas Gerais, com foco em restauração ecológica.

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) e a Petrobras anunciaram durante a COP 28, em Dubai, nos Emirados Árabes Unidos, o lançamento de um novo edital para projetos de restauração ecológica visando a conservação dos biomas Cerrado e Pantanal. A iniciativa Floresta Viva destinará R$ 42 milhões para até 9 projetos que implementem ações em corredores de biodiversidade que conectam fragmentos florestais remanescentes, promovendo o deslocamento de animais e a dispersão de espécies vegetais pela propagação de sementes.

Os projetos selecionados terão até quatro anos para realizar ações de restauração em áreas de, no mínimo, 200 hectares, localizadas nos corredores de biodiversidade no Cerrado e no Pantanal. A iniciativa Floresta Viva tem como objetivo a originação de créditos de carbono, ampliando os benefícios do projeto. ‘Com a nossa participação no Floresta Viva, reforçamos nosso compromisso com a transição energética justa, incluindo iniciativas socioambientais que contribuem para a conservação do meio ambiente e a mitigação de emissões de gases do efeito estufa. Agora, ampliamos nossa atuação para dois dos biomas mais ameaçados no Brasil, o Cerrado e o Pantanal, contribuindo para transformar nosso investimento em retorno socioambiental para o País, com benefícios para a segurança hídrica, a biodiversidade e o clima’, declara Jean-Paul Prates, presidente da Petrobras.

Artigos recomendados

Apostas do BNDES na restauração ecológica

O BNDES está apostando na restauração ecológica dos biomas brasileiros como uma das formas mais eficientes e econômicas do país responder à crise climática extrema, além de todo o seu impacto socioeconômico e de conservação da biodiversidade. O Floresta Viva é um caso de sucesso, que já inspirou outras iniciativas, como o recém lançado Arco de Restauração da Amazônia, uma iniciativa construída pelo BNDES, em parceria com o Ministério do Meio Ambiente e Mudança do Clima (MMA), que destinará R$ 1 bilhão para a reconstrução da floresta, afirmou Aloizio Mercadante, presidente do BNDES.

Impacto do Floresta Viva na restauração ecológica

O trabalho do Floresta Viva na restauração ecológica em corredores de biodiversidade para conservação dos biomas Cerrado e Pantanal é fundamental para o Brasil garantir que sua biodiversidade seja protegida e contribua para o equilíbrio climático. É parte da missão do FUNBIO trabalhar em rede para que os benefícios socioambientais da restauração ecológica impactem local, nacional e globalmente toda a população, disse Rosa Lemos de Sá, secretária-geral do FUNBIO.

Riqueza do Cerrado e ameaças à biodiversidade

O Cerrado é um dos biomas com a maior biodiversidade do planeta, abrigando 5% de todas as espécies no mundo e 30% das espécies do país – muitas delas endêmicas, que só existem nesse ambiente. É também um dos biomas mais ameaçados pelo desmatamento: cerca de 30% de toda a área desmatada no Brasil em 2022 foi em regiões de Cerrado. Reconhecido como o ‘berço das águas’, por abrigar as cabeceiras de alguns dos maiores rios brasileiros, o Cerrado tem uma relação próxima com o Pantanal, pois é onde nasce o Rio Paraguai, que abastece a planície inundada pantaneira. Assim como o Cerrado, o Pantanal também apresenta uma rica biodiversidade, com mais de 4.700 espécies catalogadas, e encontra-se ameaçado sobretudo pelo desmatamento e pelas queimadas.

Iniciativas de restauração ecológica

Os projetos participantes da seleção pública deverão ser propostos por instituições sem fins lucrativos, como associações civis, fundações privadas ou cooperativas. Mais informações sobre o edital podem ser obtidas no Portal de Chamadas do FUNBIO em: https://preprod-chamadas.funbio.org.br/floresta-viva-corredores-de-biodiversidade

A gestão operacional e a condução do edital serão realizadas pelo Fundo Brasileiro para a Biodiversidade (FUNBIO), organização da sociedade civil de interesse público (Oscip) que tem por objetivo catalisar ações estratégicas voltadas para a conservação e o uso sustentável da diversidade biológica no Brasil.

Detalhes sobre o Floresta Viva

A iniciativa Floresta Viva foi desenvolvida pelo BNDES e conta com 20 apoiadores, entre empresas privadas e governos.

Estão sendo mobilizados cerca de R$ 100 milhões do BNDES e da Petrobras para fomentar iniciativas de restauração ecológica em biomas brasileiros, contribuindo para a preservação da biodiversidade, a disponibilidade de recursos hídricos, a remoção de dióxido de carbono da atmosfera, a geração de empregos e renda, dentre outros benefícios socioambientais.

Fonte: Agência Petrobrás


Você quer receber apenas notícias e vagas de emprego do seu interesse? A solução chegou através do app CPG VAGAS E NOTÍCIAS! Se você é pintor, vai receber no seu celular apenas oportunidades neste cargo. E será assim com pedreiro, técnico, engenheiro e etc..... Não perca nada do que acontece no mercado de trabalho e econômico do Brasil, baixe agora o app CPG VAGAS E NOTÍCIAS, disponível para Android e IOS!

APP CPG VAGAS E NOTÍCIAS

Relacionados
Mais recentes
COMPARTILHAR
BANNER POPUP CPG VAGAS E NOTICIAS 2 Fechar