MENU
Menu
Início Inédito! PRIMEIRA usina eólica offshore do Brasil é desenvolvida pela Neoenergia no Litoral do Rio Grande do Norte

Inédito! PRIMEIRA usina eólica offshore do Brasil é desenvolvida pela Neoenergia no Litoral do Rio Grande do Norte

13 de setembro de 2023 às 20:57
Compartilhe
Compartilhar no WhatsApp
Compartilhar no Facebook
Compartilhar no LinkedIn
Compartilhar no Telegram
Compartilhar no Twitter
Compartilhar no E-mail
Siga-nos no Google News
energia, turbinas, marés
Reprodução. Imagem: Ambiente Legal

O desenvolvimento da usina de geração de energia eólica será feito juntamente com o governo do RN, sendo que ambas as partes já assinaram o memorando para o acordo

A Neoenergia, em parceria com o Governo do Rio Grande do Norte, deu um passo importante para o desenvolvimento da primeira usina eólica offshore do Brasil. Nesta terça-feira (12), as duas partes assinaram um memorando de entendimento durante a 14ª edição do Brazil Windpower, o maior evento de energia eólica da América Latina. Esse acordo visa estabelecer estudos para a geração de energia eólica offshore na costa do estado e envolve cooperação em diversas áreas, incluindo socioeconômica, ambiental, técnica e regulatória, de acordo com o site Petronotícias.

Marcelo Lopes, diretor de Hidráulica e Offshore da Neoenergia, destacou que essa parceria está alinhada com a estratégia da empresa de liderar a transição energética no Brasil. Ele ressaltou a importância de estabelecer um marco regulatório para o mercado de energia eólica em alto-mar no país, o que impulsiona o desenvolvimento da cadeia industrial e agregaria valor aos atributos socioambientais dessa fonte de energia. 

Artigos recomendados

Lopes enfatizou que um marco regulatório sólido ofereceria segurança jurídica e previsibilidade para os investidores, fundamentais para o crescimento desse mercado.

Governadora do RN destaca a liderança em energia limpa

A governadora do Rio Grande do Norte, Fátima Bezerra, enfatizou que a assinatura desse memorando é parte de uma série de interações produtivas com a Neoenergia. Ela expressou a intenção de manter o estado na liderança da produção de energia limpa no Brasil, especialmente através do desenvolvimento de projetos offshore e do apoio logístico para a infraestrutura portuária.

Este é o quarto memorando de entendimento assinado pela Neoenergia para o desenvolvimento de geração eólica offshore no Brasil. Além do Rio Grande do Norte, a empresa está conduzindo estudos de viabilidade para projetos em alto-mar nos estados do Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul e Ceará. Com uma clara visão de liderança na transição para uma energia limpa, a Neoenergia busca oportunidades de negócios pautadas na descarbonização, inovação e tecnologias avançadas para a geração de energia sustentável.

Neoenergia: contribuindo para um futuro mais sustentável

Atualmente, a Neoenergia já opera três parques eólicos no estado do Rio Grande do Norte: Mel, Arizona e Rio do Fogo, que estão em operação desde 2006. Através da Neoenergia Cosern, a empresa fornece energia para aproximadamente 1,5 milhão de clientes no setor de distribuição. A Neoenergia possui uma capacidade instalada de 5,2 GW em geração, sendo 90% proveniente de fontes renováveis. Além disso, a empresa está em processo de implementação de mais 0,2 GW com a conclusão de parques eólicos onshore. 

O investimento em geração eólica offshore representa um passo significativo para a Neoenergia e para o Brasil na busca por uma matriz energética mais limpa e sustentável. Através dessa parceria com o governo do Rio Grande do Norte, o país avança na expansão de sua capacidade de geração de energia renovável, contribuindo para um futuro mais verde e próspero.

Relacionados
Mais recentes
COMPARTILHAR