Ex presidente da Petrobras denuncia Lula em esquema de propina em estaleiros

propina Luis Inacio Lula Petrobras plataformas
 

Em depoimento ao Juiz Sergio Moro, Renato Duque diz que Lula, Dirceu e PT recebiam propinas em estaleiros da Sete Brasil em troca de favorecimento de contratos

Renato Duque, ex-diretor da Petrobras reiterou ao Juiz Sergio Moro na última sexta feira(4), que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, o ex-ministro  José Dirceu e o PT( Partido dos Trabalhadores) compartilhavam 2/3 em propinas acumuladas de unidades de exploração e construção de petróleo do pré-sal, ao qual a Sete Brasil detinha estes contratos. Duque disse que o Ex Tesoureiro, João Vaccari Neto do PT era quem passava os acertos.

De acordo com o ex-diretor, que foi vinha se mantendo no função por indicação do PT, assim como Dirceu, a porcentagem da da propina ficava na “CASA”, termo utilizado para indicar que o dinheiro ilícito ficava para os funcionários de alto escalão da Petrobras e da Sete Brasil, o outro lote de propinas ficariam com Lula, Dirceu e o PT, de acordo com Duque. Todo este montante foi administrado pelas empresas Odebrecht, OAS e UTC através de seus estaleiros.

Sem saída e como única possibilidade de amortizar sua pena de mais 40 anos de prisão deferidos pela Operação Lava Jato, Renato Duque agora colabora com a Justiça e começa a revelar todo esquema. Ele disse a moro que todos os estaleiros que pagavam e estavam de acordo.

Duque ainda reforça que o ex-ministro da Casa Civil e Fazenda, Antonio Palocci, tinha a responsabilidade de indicar e destinar o dinheiro distribuído. Os contratos de unidades offshore firmados depois a partir de 2011 somavam-se em 20 bilhões de dólares com propinas de 1%.

Nota: Vale ressaltar que o artigo é de informação, e não de opinião. Suas preferências políticas ou partidárias não são relevantes para este canal, nosso objetivo é levar conteúdo do ramo de energia, petróleo e gás do Brasil, sendo algo que vocês concordem ou não. 

O ex-diretor de Serviços da Petrobras Renato Duque (Márcia Foletto/Agência o Globo)
The following two tabs change content below.
Paulo Nogueira
Formado em Eletrotécnica e entusiasta do setor de tecnologia, já atuei em empresas do ramo de energia, óleo e gás como técnico de operações, Pressure Downrole Gauge Operator e em plataformas de completação do Brasil e exterior