1. Início
  2. / Petróleo e Gás
  3. / Empire Wind 1: Equinor registra pedido para Nova York, pronto para energia renovável.
Tempo de leitura 3 min de leitura Comentários 0 comentários

Empire Wind 1: Equinor registra pedido para Nova York, pronto para energia renovável.

Escrito por Paulo S. Nogueira
Publicado em 29/01/2024 às 05:29
Solicitação do Empire Wind 1 para Nova York
Empire Wind 1: projeto renovável para Nova York – FOTO: ©2024 AtCoMedia. Inc

A Equinor da Noruega solicitação do projeto Empire Wind 1 ‘pronto para escavação’ para a indústria eólica offshore de Nova York.

A Equinor da Noruega submeteu a solicitação do projeto Empire Wind 1 para a quarta solicitação acelerada de vento de Nova York.

Se escolhido, o Empire Wind 1 deverá começar a fornecer energia pela primeira vez em 2026 e terá capacidade para abastecer com energia renovável mais de meio milhão de residências em Nova York, de acordo com a Equinor.

Já em desenvolvimento há muitos anos, o Empire Wind 1 vai solidificar a posição da indústria eólica offshore na Costa Leste, transformando o South Brooklyn Marine Terminal (SBMT) em um centro de excelência para energia eólica offshore na cidade de Nova York.

Empire Wind 1: Uma Visão Geral do Projeto

O projeto Empire Wind está localizado entre 15 e 30 milhas a sudeste de Long Island e se estende por 80.000 acres, com profundidades de água entre aproximadamente 75 e 135 pés. O arrendamento foi adquirido em 2017. As duas fases do projeto, Empire Wind 1 (810 MW) e 2 ( 1,26 GW), têm capacidade potencial de mais de 2 GW (810 + 1.260 MW), suficiente para abastecer mais de 1 milhão de residências em Nova York.

Solicitação do Empire Wind 1 para Nova York

O Empire Wind 1 está pronto e Equinor também. Nova Iorque demonstrou o seu compromisso com a energia eólica offshore e este projeto desempenhará um papel fundamental na promoção desse compromisso. O Empire Wind 1 coloca a cidade de Nova York no centro desta nova indústria e os benefícios econômicos e ambientais se estenderão por todo o estado, afirmou Molly Morris, presidente da Equinor de Renováveis ​​Américas.

Projetos Associados e Desenvolvimento a Longo Prazo

O Empire Wind 1 concorre para a última solicitação de Nova York, e segue o anúncio de uma transação de swap entre a Equinor e a BP sob a qual a Equinor assumirá a propriedade total do arrendamento da Empire Wind e dos projetos associados, incluindo o SBMT, onde a construção deverá começar no primeiro semestre deste ano. Por outro lado, a BP assumirá a propriedade total da Beacon Wind e dos seus ativos. Um acordo de rescisão mútua também foi alcançado com a Autoridade de Pesquisa e Desenvolvimento Energético do Estado de Nova York (NYSERDA) para o Contrato de Compra e Venda do Certificado de Energia Renovável Eólica Offshore Beacon Wind 1 (OREC).

Avanços na Indústria Eólica Offshore

No início de janeiro, Empire Wind 2 concordou em cancelar seu acordo OREC como parte de uma redefinição estratégica devido a fatores macroeconômicos que tiveram um impacto em toda a indústria. De acordo com a Equinor, Empire Wind 1 é em uma posição clara para avançar em NY4, enquanto Empire Wind 2 será ainda mais amadurecido para futuras rodadas de solicitação.

Impacto na Indústria eólica offshore

O projeto Empire Wind 1 é um exemplo claro do avanço da indústria eólica offshore, com potencial para revolucionar a forma como obtemos energia. O South Brooklyn Marine Terminal desempenhará um papel crucial na fase do projeto.

Inscreva-se
Notificar de
guest
0 Comentários
Feedbacks
Visualizar todos comentários
Paulo S. Nogueira

Criador e divulgador de conteúdo na área do petróleo, gás, offshore, renováveis, mineração, economia tecnologia, construção e outros setores da energia.

Compartilhar em aplicativos
3
0
Adoraríamos sua opnião sobre esse assunto, comente!x