Menu
Início EDP anuncia investimento de R$ 530 milhões na produção de energia solar em Goiás

EDP anuncia investimento de R$ 530 milhões na produção de energia solar em Goiás

19 de julho de 2023 às 16:09
Compartilhe
Compartilhar no WhatsApp
Compartilhar no Facebook
Compartilhar no LinkedIn
Compartilhar no Telegram
Compartilhar no Twitter
Compartilhar no E-mail
Siga-nos no Google News
energia, solar, minas gerais
Reprodução. Fonte: Divulgação/BDMG

O investimento milionário em energia solar será feito pela EDP com o objetivo de expandir ainda mais o setor de energia solar no estado

A EDP, empresa de energia, revelou um investimento de R$ 530 milhões em geração e transmissão de energia solar em Goiás. O anúncio do investimento em energia solar foi feito durante um evento no estado, evidenciando o compromisso da empresa com a expansão do setor de energias renováveis. Os recursos serão alocados de acordo com a seguinte divisão: R$ 325 milhões serão destinados à construção de 11 usinas, com capacidade instalada de 48 MWp, até o próximo ano. Dessas, 27 MWp estão em fase de construção, incluindo uma usina que fornece energia para o Banco do Brasil, enquanto 21 MWp estão em desenvolvimento, de acordo com o site Exame.

Adicionalmente, outros R$ 200 milhões serão investidos em transmissão entre 2023 e 2024. Vale ressaltar que a EDP adquiriu a Celg Transmissão no início de 2022. Os recursos serão direcionados para a ampliação, modernização e aumento de capacidade de sete subestações. Além disso, R$ 5 milhões serão destinados a projetos de impacto social, como o EDP nas Escolas. O montante total do investimento será proveniente do orçamento de investimentos (Capex) da empresa para os próximos dois anos.

Artigos recomendados

A importância de investimentos no setor de energia renovável

A EDP destaca a importância da geração distribuída solar, tanto para a empresa quanto para a população e empresas de Goiás. Através deste investimento, os consumidores terão a vantagem de pagar um preço inferior ao praticado pela distribuidora local. Será firmado um contrato de dois anos, no qual, ao final do período, as pessoas e empresas do estado poderão escolher qual método de geração de energia desejam adotar. 

Acredita-se que a geração distribuída de energia solar será a preferência, devido às suas vantagens econômicas e ambientais, além de não requerer investimento inicial. João Marques da Cruz, CEO da EDP Brasil, ressalta a relevância dessa modalidade para a empresa.

A redução de preço em relação à tarifa tradicional, que chega a ser de cerca de 10%, está diretamente relacionada aos subsídios e incentivos concedidos para a geração de energia solar. Não foram firmados contratos adicionais entre a EDP e a distribuidora local, Equatorial.

Esse investimento em energia solar faz parte do plano do Grupo EDP de se tornar completamente sustentável até 2030. No Brasil, a companhia planeja investir pelo menos R$ 6 bilhões até 2025, com o objetivo de expandir sua presença no setor de energia solar e reduzir a dependência de usinas termelétricas, conforme afirmado pelo CEO em entrevista à EXAME IN em 2022. A EDP reforça seu compromisso com a transição energética e contribui para o desenvolvimento sustentável do país.


Você quer receber apenas notícias e vagas de emprego do seu interesse? A solução chegou através do app CPG VAGAS E NOTÍCIAS! Se você é pintor, vai receber no seu celular apenas oportunidades neste cargo. E será assim com pedreiro, técnico, engenheiro e etc..... Não perca nada do que acontece no mercado de trabalho e econômico do Brasil, baixe agora o app CPG VAGAS E NOTÍCIAS, disponível para Android e IOS!

APP CPG VAGAS E NOTÍCIAS

Relacionados
Mais recentes
COMPARTILHAR
BANNER POPUP CPG VAGAS E NOTICIAS 2 Fechar