1. Início
  2. / Indústria
  3. / Conheça os rebocadores mais potentes já fabricados, incluindo o inovador “Esvagt”, e descubra como esses navios de abastecimento desempenham papéis cruciais na segurança e suporte offshore
Tempo de leitura 3 min de leitura Comentários 0 comentários

Conheça os rebocadores mais potentes já fabricados, incluindo o inovador “Esvagt”, e descubra como esses navios de abastecimento desempenham papéis cruciais na segurança e suporte offshore

Escrito por Rafaela Fabris
Publicado em 19/05/2024 às 14:25
Conheça os rebocadores mais potentes já fabricados, incluindo o inovador "Esvagt", e descubra como esses navios de abastecimento desempenham papéis cruciais na segurança e suporte offshore
Foto: Cemre Shipyard /Divulgação

Conheça os rebocadores mais potentes e os maiores navios de abastecimento que existem, essenciais para manobrar gigantes dos mares, combater incêndios, realizar resgates e garantir a segurança nas operações marítimas.

Os rebocadores mais potentes do mundo são verdadeiros gigantes dos mares, desempenhando funções essenciais no transporte e abastecimento offshore. Entre esses colossos, destaca-se o inovador “Esvagt”, um dos mais poderosos navios de apoio construídos em 2018. Navegando sob a bandeira dinamarquesa, o “Esvagt” foi fabricado pelo renomado estaleiro Cemre Shipyard na Turquia.

Com uma tonelagem bruta de 4.064 toneladas e um peso morto de 2.500 toneladas, o “Esvagt” é comparável ao tamanho de um campo de futebol e possui uma largura de 17,6 metros. Este navio multifuncional é vital para a segurança e suporte no mar, oferecendo serviços que vão desde o manuseio de âncoras até combate a incêndios e resgate.

O papel dos rebocadores e navios de abastecimento

Os rebocadores e navios de abastecimento desempenham diversas funções essenciais no mar. Eles rebocam ou empurram navios maiores, como petroleiros, porta-contêineres e cruzeiros, e são utilizados para manobras precisas em portos e rios. Esses navios são equipados para combate a incêndios, resgate, e operações de manipulação de âncoras.

Os rebocadores são notáveis por sua potência e manobrabilidade. Equipados com motores a diesel que podem gerar até 3.400 cavalos de potência, esses barcos pequenos são capazes de mover navios muito maiores que eles. Graças ao seu design robusto e sistemas de leme sofisticados, os rebocadores podem exercer uma força de tração de ponto fixo de até 110 toneladas, com alguns modelos avançados superando esse limite.

1. Esvagt Innovator

O “Esvagt Innovator” é um exemplo de navio de abastecimento altamente avançado, projetado para operar em ambientes líquidos inflamáveis como o metanol. Com uma tração de ponto fixo de 100 toneladas, este navio utiliza um sistema de propulsão elétrica de corrente contínua, melhorando a eficiência de combustível e a sustentabilidade ambiental.

2. Dearest Miss Pete

O “Dearest Miss Pete” é uma embarcação de apoio offshore nigeriana, construída em 2018. Este navio versátil é utilizado para transporte de carga e tripulação, combate a incêndios e manuseio de âncoras. Equipado com um sistema de propulsão diesel-elétrico, ele pode gerar até 3.000 kW de potência, alcançando uma velocidade máxima de 12 nós.

3. Brage Viking

O “Brage Viking” é um rebocador de abastecimento norueguês, construído em 2012. Este navio pode operar em condições extremas, incluindo as regiões árticas e antárticas, graças ao seu certificado Ice Class E3. Com uma tração de ponto fixo de 285 toneladas e um guincho de reboque de 500 toneladas, ele é essencial para operações complexas no mar.

4. ALP Striker

O “ALP Striker” é um rebocador de alto desempenho, projetado para arrastar cargas pesadas. Com uma velocidade máxima de 19 nós e um sistema de propulsão dinâmica Classe Dois, este navio garante manobrabilidade e precisão excepcionais.

5. Horizon Arctic

O “Horizon Arctic” é um navio de manuseio de âncoras e abastecimento offshore, registrado sob a bandeira canadense. Equipado com propulsão mútua Asim de 360 graus, ele pode operar veículos submarinos remotamente, tornando-se crucial para inspeções e reparos subaquáticos.

6. Olympic Zeus

O “Olympic Zeus“, construído em 2009, é um rebocador norueguês conhecido por sua robustez e capacidade de operar em diversas tarefas offshore. Com um sistema de propulsão híbrido e capacidade de transporte de até 3.000 toneladas de carga, ele é vital para operações seguras e eficientes no mar.

Esses rebocadores e navios de abastecimento representam o auge da engenharia marítima, combinando potência, eficiência e versatilidade para garantir a segurança e o sucesso das operações offshore.

Inscreva-se
Notificar de
guest
0 Comentários
Feedbacks
Visualizar todos comentários
Rafaela Fabris

Fala sobre inovação, energia renováveis, petróleo e gás. Atualiza diariamente sobre oportunidades no mercado de trabalho brasileiro.

Compartilhar em aplicativos
0
Adoraríamos sua opnião sobre esse assunto, comente!x