Bracell vai investir R$ 7 bilhões e gerar 7.500 empregos em fábrica em São Paulo

Lançado oficialmente pela empresa em abril, o “Projeto Star” elevará a produção da fábrica de 250 mil toneladas para 1,5 milhão de toneladas por ano

O Grupo Bracell, que faz parte da RGE, sediada em Cingapura, apresentou na tarde de hoje, 29, detalhes do projeto de R$ 7 bilhões para expandir a produção de celulose solúvel que está em curso no interior de São Paulo. A apresentação do projeto de expansão na cidade de Lençóis Paulista foi conduzida foi entregue ao governador de São Paulo, João Doria, com jornalistas em evento realizado no Palácio dos Bandeirantes.

Em janeiro, as discussões sobre o investimento estavam avançadas, quando o governador Doria se reuniu com Anderson Tanoto, presidente mundial da RGE, em Davos, na Suíça, durante o Fórum Econômico Mundial.

Com prazo de previsão de conclusão até final de 2021, a obra de expansão representa o maior investimento privado no Estado de São Paulo dos últimos 20 anos. No total, serão investidos cerca de R$ 7 bilhões. O epicentro do investimento será concentrado nos municípios de Lençóis Paulista e Macatuba, mas também irá criar oportunidades de emprego nas cidades próximas: Agudos, Areiópolis, Bauru, Pederneiras, São Manuel, Barra Bonita, Jaú e Igaraçu do Tietê.

Em um período de dois anos, o projeto de expansão da Bracell em São Paulo empregará cerca de 7.500 trabalhadores durante o pico da obra, com uma média de aproximadamente 3.000 trabalhadores. Após a conclusão, a fase de operação empregará cerca de 2.100 trabalhadores diretos e 1.900 terceirizados de forma permanente na fábrica e nas atividades florestais.

“Para que este projeto ganhe vida, queremos trabalhar com os melhores talentos e tecnologias disponíveis no mundo e, felizmente, estamos confiantes de que esse talento é baseado aqui no Brasil”, afirma Pedro Wilson Stefanini, diretor da Bracell São Paulo. O executivo ainda reforça que as oportunidades ocorrerão não só na área fabril, mas também em atividades florestais presentes em cerca de 50 municípios do estado de São Paulo.

Presente no Brasil há mais de 15 anos com a operação da Bahia Specialty Cellulose, em Camaçari (BA), a Bracell iniciou o ambicioso projeto de expansão ao adquirir a Lwarcel Celulose, em agosto de 2018. Localizada em Lençóis Paulistas (SP), a fábrica com atual capacidade de produção de 250 mil toneladas/ano começou a ser ampliada em abril de 2019. Ao final da obra, a unidade passará a ter uma capacidade de produção de 1,5 milhão de toneladas/ano de celulose solúvel.

“Nossa ambição é ser não só uma das maiores operações de celulose solúvel no mundo, mas também uma das empresas mais responsáveis nos quesitos social e ambiental. Além de criar empregos e oportunidades de carreira para milhares de pessoas no Brasil, definiremos os mais altos padrões para o uso sustentável de recursos renováveis”, comenta Carlos Pastrana, diretor do projeto de expansão.

Quando o projeto de expansão for concluído, a capacidade de produção total da Bracell, considerando as operações da Bahia e São Paulo, passará para aproximadamente 2 milhões de toneladas de celulose solúvel por ano.

A celulose solúvel é um dos principais ingredientes usados para criar uma ampla gama de produtos, desde têxteis, lenços de bebê e armações de óculos até embalagens de salsichas e produtos farmacêuticos, bem como produtos industriais como cabos de pneus de alto desempenho.

Em retomada, Odebrecht afreta 1ª sonda à Petrobras após Lava Jato

Sobre Flavia Marinho

Engenheira de Produção pós graduada em Engenharia Elétrica e experiente na indústria de construção naval. Se você têm uma sugestão de pauta, gostaria de postar vagas de empregos ou anunciar conosco, mandem um e-mail para flavia.marinho@clickpetroleoegas.com.br. OBS: Não contratamos, então não envie currículos! Informações sobre empregabilidade apenas no site.