Menu
Início Até R$ 30 bilhões podem ser investidos em projetos de extração e beneficiamento do lítio no Vale do Jequitinhonha em Minas Gerais

Até R$ 30 bilhões podem ser investidos em projetos de extração e beneficiamento do lítio no Vale do Jequitinhonha em Minas Gerais

24 de julho de 2023 às 18:01
Compartilhe
Compartilhar no WhatsApp
Compartilhar no Facebook
Compartilhar no LinkedIn
Compartilhar no Telegram
Compartilhar no Twitter
Compartilhar no E-mail
Siga-nos no Google News
Lítio, investimentos, Minas Gerais
Imagem: Vale do Jequitinhonha / Reprodução: Diário do Comércio

Minas Gerais pode se tornar um polo de exploração do lítio com novos investimentos e gerar 1.000 novos empregos 

Minas Gerais está prestes a se tornar um importante polo na exploração e beneficiamento do lítio, com a expectativa de atrair investimentos entre R$ 20 bilhões e R$ 30 bilhões para o Vale do Jequitinhonha até 2030. Empresas como Latin Resources, Atlas Lithium, Sigma e MG LIT (Lithium Ionic), além da já operante Companhia Brasileira de Lítio (CBL), planejam transformar a região com quatro projetos já confirmados, cujo montante de investimento se aproxima dos R$ 5 bilhões. Com isso, prevê-se a criação de mais de mil empregos diretos, além de milhares de empregos indiretos em toda a região.

Investimentos do projeto MG LIT e seus impactos em Minas Gerais

A MG LIT (Lithium Ionic) é uma das principais empresas canadenses de mineração de lítio, com investimentos de R$ 750 milhões para a extração do “ouro branco” em Araçuaí, Itinga e Salinas. A empresa espera iniciar suas operações em 2025 e já investiu cerca de R$ 160 milhões até o momento. Estima-se que a mina tenha capacidade de produção anual de aproximadamente 250 mil toneladas de concentrado de espodumênio, com um teor de lítio-enxofre de 5.5%. A expectativa é gerar mais de mil empregos diretos e inúmeros empregos indiretos na região.

Artigos recomendados

Compromisso do governo de Minas Gerais com a região do Vale do Lítio

O governo de Minas Gerais demonstra empenho em transformar o Vale do Jequitinhonha em um polo de inovação e desenvolvimento tecnológico ao atrair investimentos relacionados à cadeia do lítio. A região é formada por 14 municípios e abriga a maior reserva nacional de lítio, um recurso essencial para diversas aplicações, incluindo baterias de longa duração utilizadas em veículos elétricos e aparelhos eletrônicos. O projeto Vale do Lítio visa não apenas à mineração, mas também engloba todas as etapas da cadeia, visando ao desenvolvimento social, econômico e infraestrutural da região.

Perspectivas e investimentos futuros para o Vale do Lítio

O Vale do Lítio é um projeto ambicioso que tem o potencial de impulsionar significativamente o desenvolvimento do Vale do Jequitinhonha e do Norte de Minas Gerais. A atração de investimentos bilionários permitirá o crescimento de toda a cadeia produtiva, incluindo serviços relacionados e infraestrutura. O diretor da Invest Minas, Ronaldo Barquette, enfatiza que o pacote de recursos previsto não se limita aos investimentos das empresas mineradoras, mas também inclui melhorias em infraestrutura, como linhas de transmissão, água, gás, aeroporto e rodovias. O futuro é promissor para a região, que está se preparando para liderar a revolução verde, com o lítio como o combustível para a sustentabilidade e inovação.


Você quer receber apenas notícias e vagas de emprego do seu interesse? A solução chegou através do app CPG VAGAS E NOTÍCIAS! Se você é pintor, vai receber no seu celular apenas oportunidades neste cargo. E será assim com pedreiro, técnico, engenheiro e etc..... Não perca nada do que acontece no mercado de trabalho e econômico do Brasil, baixe agora o app CPG VAGAS E NOTÍCIAS, disponível para Android e IOS!

APP CPG VAGAS E NOTÍCIAS

Relacionados
Mais recentes
COMPARTILHAR
BANNER POPUP CPG VAGAS E NOTICIAS 2 Fechar