MENU
Menu
Início Segredos revelados: O motor de foguete chinês que deixa a NASA no chinelo!

Segredos revelados: O motor de foguete chinês que deixa a NASA no chinelo!

17 de abril de 2024 às 21:19
Compartilhe
Compartilhar no WhatsApp
Compartilhar no Facebook
Compartilhar no LinkedIn
Compartilhar no Telegram
Compartilhar no Twitter
Compartilhar no E-mail
Siga-nos no Google News
China revoluciona a indústria espacial Primeiro foguete movido a 'carvão' é lançado com êxito
Foto: foguete Tianlong-2

China lança motor de foguete monstruoso: 130 toneladas de poder, bate recordes em testes e deixa o mundo de queixo caído!

A China Aerospace Science and Technology Corp (CASC), uma das principais empresas aeroespaciais do país, alcançou um marco significativo no desenvolvimento de tecnologias espaciais com a conclusão dos testes em seu novo motor de foguete reutilizável. Esse motor, que utiliza oxigênio líquido e querosene e tem uma força de 130 toneladas, é um componente vital para o futuro dos foguetes reutilizáveis da CASC, incluindo o promissor Long March 10, de acordo com engenhariahoje.com

Testes recordistas

No dia 13 de abril, a equipe de engenheiros da Sexta Academia da CASC realizou dois testes de ignição em solo, eventualmente parte de uma série de experimentos que incluiu 15 testes repetidos e 30 partidas de ignição. A duração total desses testes superou os 3.900 segundos, estabelecendo um novo recorde de durabilidade para testes de motores de foguetes líquidos na China. Dessa forma, esses testes confirmaram a alta confiabilidade do motor e sua capacidade de expansão, destacando a evolução na reutilização do motor que agora permite múltiplas ignições e ajustes extensivos de empuxo.

Artigos recomendados

Tecnologias-chave para reutilização dos foguetes

De acordo com relatos da equipe para o Global Times da China, a reutilização de foguetes envolve quatro áreas tecnológicas críticas:

  • Precisão no pouso de retorno
  • Estabilidade durante o pouso
  • Durabilidade para múltiplos reusos
  • Manutenção rápida para reparos no local

A equipe de pesquisa tem trabalhado para simplificar os processos de manutenção e avaliação para melhorar a longevidade do motor após várias reutilizações.

Veja esse vídeo e tire suas próprias conclusões 🚀🚀

A corrida espacial chinesa

Esse desenvolvimento marca um avanço na ambição da China de se tornar a líder global em tecnologia espacial, dessa maneira competindo diretamente com os Estados Unidos. Enquanto a NASA enfrenta críticas pela tecnologia considerada ultrapassada em seu Space Launch System (SLS), a China está se movendo rapidamente para expandir sua frota de foguetes reutilizáveis, tanto estatais quanto privados. Com planos de testar dois foguetes reutilizáveis estatais em 2025 e 2026, e com empresas privadas como a Galactic Energy se preparando para testar o foguete Pallas-1 já neste ano, assim a China está firmemente no caminho para consolidar sua presença no espaço.

Dessa forma o motor de foguete reutilizável da China representa um salto significativo na tecnologia espacial e coloca o país em uma posição competitiva na corrida espacial global. Ou seja, com sua capacidade de reutilização e recordes de testes, a China está pavimentando o caminho para um futuro mais sustentável e eficiente no espaço sideral.

Inscreva-se
Notificar de
guest
0 Comentários
Feedbacks
Visualizar todos comentários
Relacionados
Mais recentes
COMPARTILHAR
0
Adoraríamos sua opnião sobre esse assunto, comente!x