Menu
Início Redução da poluição depende de tratamento dos efluentes industriais

Redução da poluição depende de tratamento dos efluentes industriais

23 de novembro de 2023 às 15:11
Compartilhe
Compartilhar no WhatsApp
Compartilhar no Facebook
Compartilhar no LinkedIn
Compartilhar no Telegram
Compartilhar no Twitter
Compartilhar no E-mail
Siga-nos no Google News
Efluentes industriais
Freepik

Empresas produzem resíduos e efluentes que podem provocar riscos ao meio ambiente e à saúde pública

Dados da Associação Brasileira de Empresas de Tratamento de Resíduos e Efluentes (Abetre) estimam que o total de efluentes industriais que recebem tratamento adequado antes de serem descartados para a natureza não chega à metade do que é produzido. O órgão aponta que cerca de 60% dos resíduos gerados pelas indústrias brasileiras são despejados em corpos d’água e redes de esgoto, sem qualquer beneficiamento.

O cenário traz uma série de problemáticas para a natureza, saúde pública e bem-estar da população de modo geral. Segundo o Conselho Regional de Engenharia e Agronomia de Santa Catarina (Crea-SC), os efluentes industriais e resíduos sólidos podem causar desequilíbrio na fauna e na flora, morte de seres aquáticos e infertilidade ao solo, além de trazer problemas à saúde humana com a presença de doenças diversas. 

Artigos recomendados

Os riscos podem ser minimizados com ações de descarte adequado para esses materiais. Vale lembrar que o tratamento de efluentes e de resíduos é exigido pela legislação brasileira, conforme determinação do Conselho Nacional do Meio Ambiente (Conoma) do Ministério do Meio Ambiente.

Para manter tudo em ordem, as indústrias devem seguir as recomendações da legislação, órgãos públicos e associações ligadas a saúde e ao meio-ambiente. Empresas que utilizam o sistema de fossa para o descarte de seus desejos também precisam se atentar ao serviço de limpa fossa que deve ser feito regularmente para evitar riscos ao meio-ambiente.

O que são efluentes e resíduos industriais?

Os efluentes industriais são os materiais líquidos ou gasosos gerados durante o processo de fabricação. Esses itens podem conter substâncias tóxicas nocivas à saúde e ao meio ambiente. Por esse motivo, o manejo dos efluentes deve ser feito corretamente antes de serem lançados para a natureza. 

Quando o descarte desses materiais é feito de forma correta, há menos riscos de um impacto ambiental e evitam-se desgastes para as indústrias que precisariam lidar com as problemáticas da poluição. Ao contrário, ocorrem problemas sérios para espécies aquáticas,  vegetações, solo e população.

Já os resíduos industriais são as sobras da produção que, muitas vezes, apresentam a composição mista, cujo descarte deve ser feito controladamente para não gerar riscos ao meio-ambiente.

Efluentes industriais podem ser descartados da forma correta

Nos dois tipos de materiais, o manejo deve ser feito de forma controlada e respeitando todas as especificações presentes nas legislações brasileiras, em normas recomendadas, órgãos públicos e/ou oficiais. 

Por passarem por diferentes processos produtivos de indústrias, tanto os efluentes quanto os resíduos podem apresentar diversos resquícios químicos, físicos e biológicos. Para evitar riscos ao meio-ambiente e saúde pública, o mais recomendado é fazer o descarte por empresas especializadas em conduzir todo o processo de tratamento. 

No caso dos efluentes e resíduos relacionados ao esgoto, por exemplo, empresas que possuem fossa séptica podem acionar serviço de uma desentupidora, pois muitas atuam em imóveis para fins residenciais, comerciais e industriais na limpeza e manutenção de tanques. 

Quando ocorre o manejo correto, as indústrias ganham uma série de benefícios além da redução da poluição. O tratamento de resíduos e efluentes industriais permite a diminuição da contaminação de água, fator que, segundo o Ministério da Saúde, pode trazer doenças como amebíase, giardíase, gastroenterite, febre tifoide e cólera.

Além disso, a contaminação da água também pode causar desequilíbrio hídrico e por em risco a vida de seres aquáticos. A poluição atmosférica também tem menos chances de acontecer quando ocorre o descarte correto desses materiais. 

É importante lembrar que as indústrias são as principais causadoras de contaminação atmosférica. Ter cuidado com o manejo desses resíduos e efluentes diminui as consequências nocivas dessas organizações.

Os benefícios também aparecem no bolso e na reputação das grandes fábricas. O cuidado com o descarte desses materiais promove redução de gastos e economia com recursos potáveis. Além disso, uma empresa que se preocupa com esse tipo de ação também é reconhecida pela sociedade. 

A consciência e a preocupação com o meio-ambiente podem ajudar a criar uma imagem positiva no setor. Muitos órgãos públicos, clientes e fornecedores valorizam fábricas que tenham uma atenção com a sustentabilidade e buscam medidas que diminuam os impactos na natureza.


Você quer receber apenas notícias e vagas de emprego do seu interesse? A solução chegou através do app CPG VAGAS E NOTÍCIAS! Se você é pintor, vai receber no seu celular apenas oportunidades neste cargo. E será assim com pedreiro, técnico, engenheiro e etc..... Não perca nada do que acontece no mercado de trabalho e econômico do Brasil, baixe agora o app CPG VAGAS E NOTÍCIAS, disponível para Android e IOS!

APP CPG VAGAS E NOTÍCIAS

Relacionados
Mais recentes
COMPARTILHAR
BANNER POPUP CPG VAGAS E NOTICIAS 2 Fechar