Menu
Início Margem Equatorial poderá receber investimentos de R$ 11 bilhões e impulsionar a exploração de petróleo e gás no Brasil, revela a ANP

Margem Equatorial poderá receber investimentos de R$ 11 bilhões e impulsionar a exploração de petróleo e gás no Brasil, revela a ANP

24 de julho de 2023 às 06:55
Compartilhe
Compartilhar no WhatsApp
Compartilhar no Facebook
Compartilhar no LinkedIn
Compartilhar no Telegram
Compartilhar no Twitter
Compartilhar no E-mail
Siga-nos no Google News
Apesar dos investimentos bilionários em petróleo e gás, a exploração na Margem Equatorial enfrenta desafios para obter licenças ambientais.
Foto: Rodolfo Almeida/SUMAÚMA

Apesar dos investimentos bilionários em petróleo e gás, a exploração na Margem Equatorial enfrenta desafios para obter licenças ambientais e perfurar um poço em águas profundas na Bacia da Foz do Amazonas.

A Margem Equatorial brasileira tem se destacado como uma promissora fronteira exploratória, atraindo olhares e investimentos significativos para o setor de petróleo e gás no país. Segundo a Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), a região poderá receber investimentos no valor de R$ 11 bilhões até o ano de 2027, tornando-se uma oportunidade única para alavancar a indústria petrolífera nacional.

Potencial promissor na Margem Equatorial

Comparativamente, esse montante supera todo o investimento planejado para campanhas exploratórias em outras áreas do país, estimado em R$ 8,5 bilhões para o mesmo período.

Artigos recomendados

Esses números reforçam o potencial da Margem Equatorial como uma das principais áreas de interesse para a exploração de óleo e gás no Brasil.

No entanto, o cenário para esses investimentos não é totalmente desprovido de desafios.

As atividades exploratórias na região têm enfrentado obstáculos relacionados às questões ambientais, especialmente no que diz respeito à obtenção de licenças ambientais para perfuração.

O Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) negou recentemente o pedido de licença da Petrobras para perfurar um poço em águas profundas na Bacia da Foz do Amazonas, no Amapá, alegando inconsistências técnicas.

Desafios ambientais e o futuro do setor de petróleo e gás no Brasil

A ministra do Meio Ambiente, Marina Silva, e o Ibama têm defendido a necessidade de uma Avaliação Ambiental de Área Sedimentar (AAAS) na região antes de prosseguir com as atividades exploratórias.

Essa demanda visa garantir que as operações de exploração sejam conduzidas de forma sustentável e em conformidade com as diretrizes ambientais.

Apesar dos desafios, a ANP projeta a perfuração de 91 poços no Brasil entre 2023 e 2027, sendo 63 deles em bacias terrestres, principalmente nas bacias de Parnaíba e Amazonas, e outros 28 em águas marítimas, incluindo onze poços na Margem Equatorial.

Isso indica que a região tem a atenção das empresas do setor, que estão dispostas a investir em sua exploração.

O diretor-geral da ANP, Rodolfo Saboia, em um seminário sobre o panorama da exploração no Brasil, enfatizou que a Margem Equatorial possui um potencial comparável ao da Guiana e ao Oeste da África, onde foram feitas grandes descobertas de Petróleo e Gás.

Ele destacou a importância de aproveitar essa janela de oportunidade para impulsionar a exploração de novas fronteiras de produção de energia no contexto da transição energética global.

Diversificação, desenvolvimento e segurança energética

A diversificação das áreas de exploração é essencial para garantir o suprimento nacional de petróleo e gás e manter a independência energética do país.

Além disso, os investimentos na indústria de óleo e gás têm o potencial de gerar empregos e fomentar o desenvolvimento econômico em diferentes regiões do Brasil.

Portanto, superar os desafios ambientais na Margem Equatorial é fundamental para o progresso do setor de Petróleo e Gás no Brasil.

Ao estabelecer um equilíbrio entre a exploração de recursos naturais e a preservação do meio ambiente, o país pode consolidar sua posição como um importante produtor e exportador de Petróleo e Gás.

Impulsionando o crescimento econômico e garantindo a segurança energética no futuro.


Você quer receber apenas notícias e vagas de emprego do seu interesse? A solução chegou através do app CPG VAGAS E NOTÍCIAS! Se você é pintor, vai receber no seu celular apenas oportunidades neste cargo. E será assim com pedreiro, técnico, engenheiro e etc..... Não perca nada do que acontece no mercado de trabalho e econômico do Brasil, baixe agora o app CPG VAGAS E NOTÍCIAS, disponível para Android e IOS!

APP CPG VAGAS E NOTÍCIAS

Relacionados
Mais recentes
COMPARTILHAR
BANNER POPUP CPG VAGAS E NOTICIAS 2 Fechar