Menu
Início A revolução do diesel R5: um passo para um transporte mais sustentável

A revolução do diesel R5: um passo para um transporte mais sustentável

21 de setembro de 2023 às 11:27
Compartilhe
Compartilhar no WhatsApp
Compartilhar no Facebook
Compartilhar no LinkedIn
Compartilhar no Telegram
Compartilhar no Twitter
Compartilhar no E-mail
Siga-nos no Google News
Transporte Redução Diesel .
Foto: Grupo Mostra de Ideias

Novo combustível diesel com menor emissão de CO2 pode ser a chave para uma indústria de transporte mais verde

O Custo e o Impacto Ambiental do Diesel Tradicional

De acordo com a Confederação Nacional do Transporte (CNT), o óleo diesel constitui uma significativa fatia de 35% nos custos operacionais do transporte rodoviário de carga. Isso não apenas pressiona as tarifas de frete, mas também tem repercussões no controle da inflação e no bolso de todos os brasileiros. Ainda mais preocupante, o alto consumo de diesel, um combustível fóssil, faz do transporte rodoviário um dos maiores emissores de poluentes. Em resposta a esses desafios, a indústria tem procurado alternativas para transformar este quadro.

O Advento do Diesel R5: Uma Luz Verde no Fim do Túnel?

O cenário pode estar prestes a mudar com o lançamento do Diesel R5, um combustível que combina 95% de diesel mineral derivado do petróleo com 5% de diesel verde, obtido a partir do óleo de soja. Além disso, o produto final conta com uma adição de 12% de biodiesel éster, conforme ditam as leis vigentes. Marcel Zorzin, diretor operacional da Zorzin Logística, que gerencia uma vasta frota de caminhões, vê esse desenvolvimento como uma saída potencial para reduzir as emissões de gases poluentes. “Isso pode nos ajudar a desafiar o estigma de que os caminhões são sempre os vilões quando se trata de poluição ambiental”, disse Zorzin.

Artigos recomendados

A Abordagem ESG e os Desafios da Implementação

O ímpeto para adotar práticas de governança ambiental, social e corporativa (ESG) também está levando as empresas a buscarem estratégias que otimizem suas operações e reduzam a pegada de carbono. No entanto, Zorzin adverte que o uso desses combustíveis deve ser abordado de maneira cuidadosa. “O verdadeiro desafio está em encontrar o equilíbrio entre um veículo que queime o combustível de forma eficiente e um combustível que seja mais limpo”, explica ele.

Envelhecimento da Frota e Perspectivas Futuras

Uma das barreiras para a redução de CO2 é a idade média dos caminhões. Segundo uma pesquisa de 2019 da CNT, a idade média é de 15,2 anos, o que significa que os veículos mais antigos tendem a poluir mais. Entretanto, empresas como a Zorzin Logística têm investido em atualizações tecnológicas para seus caminhões mais antigos. “Quando o diesel S10 foi lançado, fizemos atualizações significativas em nossa frota”, disse Marcel Zorzin.

No entanto, o custo continua sendo um fator crítico. As flutuações nos preços devido às políticas governamentais e às oscilações do mercado tornam a transição para combustíveis mais limpos um desafio. “Espero que o Diesel R5 seja competitivo em termos de custo para que possamos realmente investir nele”, conclui Zorzin.

A entrada do Diesel R5 no mercado apresenta uma alternativa promissora para um setor de transporte mais sustentável, embora ainda haja vários obstáculos a serem superados. Se bem-sucedido, este novo combustível pode representar um marco na transição para uma indústria de transporte mais verde e responsável.

Fonte: Grupo Mostra de Ideias.


Você quer receber apenas notícias e vagas de emprego do seu interesse? A solução chegou através do app CPG VAGAS E NOTÍCIAS! Se você é pintor, vai receber no seu celular apenas oportunidades neste cargo. E será assim com pedreiro, técnico, engenheiro e etc..... Não perca nada do que acontece no mercado de trabalho e econômico do Brasil, baixe agora o app CPG VAGAS E NOTÍCIAS, disponível para Android e IOS!

APP CPG VAGAS E NOTÍCIAS

Relacionados
Mais recentes
COMPARTILHAR
BANNER POPUP CPG VAGAS E NOTICIAS 2 Fechar