Uma das maiores fábricas de celulose do país está com diversas vagas de emprego em aberto


Uma das maiores fábricas de celulose do país está com diversas vagas de emprego em aberto

A CMPC celulose está recrutando candidatos para ocupar diversas vagas de emprego em Guaíba, município localizado no Rio Grande do Sul

A CMPC produz celulose branqueada a partir da fibra curta de eucalipto, comercializada globalmente para fabricantes de papéis de higiene pessoal de alto valor agregado, tornando-se o primeiro elo de uma cadeia produtiva essencial para a qualidade de vida das pessoas. Atualmente, a companhia está com vagas abertas para profissionais atuarem no sul do país. Processo seletivo aberto por empresa de construção civil demanda profissionais de diferentes atuações.

Você também pode conferir

Pertencente ao grupo CMPC, a fábrica opera no município de Guaíba, na região metropolitana de Porto Alegre, com capacidade anual de 1,8 milhão toneladas de celulose, além de 60 mil toneladas de papel.

Confira a seguir as vagas de emprego abertas na empresa:

Agente de Cultura
Analista de Compras Pleno
Analista de Infraestrutura SR
Coordenador de Área de Manutenção
Jovem Aprendiz
Operador de área ETA e ETE
Técnico em Manutenção JR
Técnico em Manutenção JR

A fábrica é abastecida por madeira proveniente de plantações florestais situadas num raio médio de 300 quilômetros da fábrica. A base florestal da empresa possui uma área de plantio de 324 mil hectares, sendo 170 mil hectares voltados ao plantio de eucalipto e o restante correspondem às Áreas de Preservação Permanente (APP) e Reserva Legal.

Inscrição para as vagas na CMPC

Para se candidatar a qualquer uma das vagas informadas acima, você deve clicar neste link aqui e será direcionado para a página de candidatura da empresa. Cadastre-se já! Boa sorte aos candidatos.

Um passo simples para se trabalhar embarcado mas poucos conhecem...

Um dos mercados mais almejados para profissionais que desejam trabalhar no mar é o offshore, principalmente em navios de cruzeiro, embarcações de apoio e marcantes. As escalas de trabalho são diferenciadas, podendo-se trabalhar apenas 6 meses e folgando mais 6. Assista o vídeo revelador que têm ajudado muitas pessoas no Brasil a ingressar neste mercado aqui.

Kelly Angelim

Sobre Kelly Angelim

Engenheira de Petróleo, especialista em Eficiência Energética e mestre em Engenharia Civil. Experiente na indústria petrolífera onshore; Entre em contato para sugestão de pauta, divulgação de vagas de emprego ou proposta de publicidade em nosso portal. Não recebemos currículos