Técnico em Manutenção: Currículos até dia 22/02

Técnicos de Manutenção
 

Oportunidades são na empresa Locar e vagas se destinam ao Rio de Janeiro, mas atenção você que é Técnico em manutenção: a entrega de currículo vai só até o dia 22/02

A Locar está solicitando currículos de Técnico em manutenção para atender duas vagas que ela possui em seus quadros do Rio de Janeiro.
A empresa destaca no anúncio, que vocês podem ver no final desta matéria, que tem uma vaga para o setor de Guindastes e uma vaga para se setor de plataformas elevatórias.

Vejam os requisitos das vagas:

  • Vagas para o Rio de Janeiro;
  • Ter experiência em manutenção preventiva e corretiva de guindastes / plataformas;
  • Possuir CNH, para atendimento externos / clientes;
  • Possuir Ensino Médio Completo e Curso Técnico na área de Manutenção;
  • Ter disponibilidade de horários.

Se você é da área de Manutenção, as vagas onshore como estas acima tem sido publicadas com certa frequência aqui no nosso portal CPG, mas também temos publicado vagas offshore, como estas divulgadas diretamente da coordenação da Kempetro para atividades de óleo e gás offshore pela cidade de Santos, clique aqui e saiba os detalhes !

A Locar avisa que os candidatos interessados e dentro do perfil (experiência descrita acima), devem encaminhar o currícilo para o email: [email protected] com o título da vaga até o dia 22/02/2019.

O Estaleiro Jurong Aracruz (ES), também está com processo seletivo aberto para as funções de Técnico de Comissionamento e Técnico de Projetos Elétricos. São vagas em uma grande empresa que você não pode deixar de se candidatar, afinal o estaleiro tem em carteira obras como a P-68, a P-71 e as sondas da Sete Brasil que todos aguardam ansiosamente que retomem as suas obras e gerem empregos.

Renato Oliveira

Sobre Renato Oliveira

Engenheiro de Produção com pós-graduação em Fabricação e montagem de tubulações com 30 anos de experiência em inspeção/fabricacão/montagem de tubulações/testes/Planejamento e PCP e comissionamento na construção naval/offshore (conversão de cascos FPSO's e módulos de topsides) nos maiores estaleiros nacionais e 2 anos em estaleiro japonês (Kawasaki) inspecionando e acompanhando técnicas de fabricação e montagem de estruturas/tubulações/outfittings(acabamento avançado) para casco de Drillships