Prefeitura de Mangaratiba multa a Vale em 20 milhões de Reais

Vale é multada

Operações da empresa na ilha de Guaíba haviam sido suspensas, mas com a apresentação de carta do Inea, empresa foi liberada, mas multa foi mantida

A fase não é boa mesmo para a Vale, a companhia teve suas atividades na ilha de Guaíba suspensa por falta de licença de operação, porém a Secretaria de Meio Ambiente de Mangaratiba suspendeu a decisão.
A liberação de deveu ao fato de que a mineradora apresentou, por volta das 16h da última quinta-feira (31/1), uma carta do INEA com o pedido de prorrogação da licença.

Secretaria de meio ambiente

O secretário de Meio Ambiente de Mangaratiba, Antônio Marcos Barreto, manteve, entretanto, a multa de R$ 20 milhões dada á Vale.
Além disso a empresa foi novamente notificada na sexta-feira (01/02) para que apresentasse o “relatório com evidências objetivas do cumprimento das condicionantes da licença de operação vencida (LO nº IN001318/20010), em fase de renovação, no prazo de 72 duas horas”.

A Vale deverá apresentar também, no prazo de sete dias úteis, a certidão ambiental de cumprimento das condicionantes previstas na licença.

A apresentação destes novos documentos, segundo o secretário, pretende atestar se a Vale está operando em conformidade com a licença vencida em fase renovação. “Caso contrário, pode haver nova interdição a qualquer momento. O que queremos é que a empresa opere dentro da lei”, reforçou ele.

Você sabia que a Modec é favorita em licitação da Petrobras ? Empreiteiro japonês encabeça corrida para fornecer à Petrobras um par de FPSO’s, junto com a  Teekay Offshore e a Yinson Holdings em Marlim I e Marlim II.

Espera-se que o empreiteiro japonês Modec se apresente como o principal candidato em uma licitação da Petrobras para um par de embarcações flutuantes de produção, armazenamento e descarregamento de tamanho médio para operar no campo de Marlim no Brasil. Leia a matéria completa !

Renato Oliveira

About Renato Oliveira

Engenheiro de Produção com pós-graduação em Fabricação e montagem de tubulações com 30 anos de experiência em inspeção/fabricacão/montagem de tubulações/testes/Planejamento e PCP e comissionamento na construção naval/offshore (conversão de cascos FPSO's e módulos de topsides) nos maiores estaleiros nacionais e 2 anos em estaleiro japonês (Kawasaki)