Oferta de gás natural faz SCGás expandir sua malha de gasodutos

Gás natural

Financiamento de mais de R$ 100 milhões concedido pelo BNDES permitirá a empresa acelerar projetos de distribuição de gás natural no estado de Santa Catarina

Negócios envolvendo o aumento da oferta de gás natural pelo Brasil afora não param de acontecer. Agora foi a vez da SCGás de Santa catarina informar que conseguiu um financiamento junto ao BNDES de R$ 102,3 milhões. O Click Petróleo e Gás já havia avisado: Oferta de Gás natural terá aumento de quase 3 vezes até 2030 e construção de dutos terá que acompanhar.
O montante será utilizado pela empresa para dar continuidade e acelerar os projetos de distribuição da oferta de gás natural no interior do estado.

A modalidade do empréstimo é a de reembolso, nela os recursos são liberados após a apresentação de documentos que comprovam os investimentos realizados.
A SCGás já recebeu a primeira parcela (R$ 35 milhões) relacionados aos investimentos feitos no período de março de 2016 a junho de 2018.

As obras

Sempre visando a expansão do mercado, a SCGás, tem um projeto já em andamento na serra catarinense. O projeto se iniciou em 2012 com a instalação de rede partindo de Indaial e indo até Lages, passando por 16 municípios.

Visando atender novos clientes e indústrias e postos de GNV ao longo da BR-470, o gasoduto chegou na cidade de Rio do Sul em 2016 e também estão em andamento obras de instalação de rede nas cidades de Trombudo Central e Pouso Redondo.

O empréstimo conseguido pela empresa também financiará o projeto de novas redes de gás natural no planalto norte, com o remanejamento de rede nas rodovias BR-470 e BR-280, que estão em fase de duplicação.

A SCGás tem até abril de 2021 para pagar o financiamento e o prazo de amortização é de seis anos, encerrando em abril de 2027.

Leia também ! As contas do Estado do RJ só fecharão este ano decido aos recursos do megaleilão do petróleo da cessão onerosa, disse Wilson Witzel.

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do Click Petróleo e Gás.

Renato Oliveira

Sobre Renato Oliveira

Engenheiro de Produção com pós-graduação em Fabricação e montagem de tubulações com 30 anos de experiência em inspeção/fabricacão/montagem de tubulações/testes/Planejamento e PCP e comissionamento na construção naval/offshore (conversão de cascos FPSO's e módulos de topsides) nos maiores estaleiros nacionais e 2 anos em estaleiro japonês (Kawasaki)