Mais de mil pessoas estavam no Porto do Açú ontem por causa da noticia de vagas falsas

Um verdadeiro exército de desempregados estavam no Porto do Açú com a esperança de conseguir recolocação e voltaram ainda mais tristes.

[supsystic-social-sharing id=’1′]Na última quinta (9), mais de mil pessoas estavam no Porto do Açú buscando recolocação no mercado de trabalho devido à uma notícia que haveria contratações, mas ai o pior aconteceu. Tudo era apenas um boato, apesar da página Click Petróleo e Gás ter avisado para que não fossem para lá e ter divulgado para que não fossem até o local.

Segundo as pessoas que estavam lá buscando uma vaga, eles receberam mensagens de que a a empresa Andrade Gutierrez estava prestar a tocar as obra da Termoelétrica no Porto do Açú e ela estava contratando profissionais para serem contratados imediatamente e quem estava responsável por captar os currículos, era o Sintramon( sindicato que também esta responsável  pela obras no do Comperj em Itaboraí).

Depois de uma uma concentração em grande escala de trabalhadores na praia sanjoanense, a Prumo acabou soltando uma nota informando que as vagas para este empreendimento eram falsas e pediram para que todos se cadastrem no canal de vagas da empresa no site VAGAS.

“Só é possível participar de processos seletivos do Porto cadastrando o currículo no portal do Vagas.com – www.vagas.com.br/prumologistica. Você também pode enviar o currículo para a Rede de Empregabilidade – banco de dados disponível para todas as empresas que operam no Completo Portuário do Açu e prestadores de serviços. O e-mail de contato é: currí[email protected]”, foi escrito no comunicado!

A Andrade Gutierrez também fez o mesmo comunicado avisando que não estavam contratando. Circula pela rede um suposto áudio do sindicato solicitando a convocações de trabalhadores para enviar currículos.

Saíram muitas vagas para várias funções no dia 10 de novembro de 2017, clique aqui e acessa as oportunidades em aberto hoje. O Click Petróleo e Gás só pega vagas em aberto de fontes de credibilidade e postagens diretamente das empresas em redes sociais e em seus respectivos sites.

Um passo simples para se trabalhar embarcado mas poucos conhecem...

Um dos mercados mais almejados para profissionais que desejam trabalhar no mar é o offshore, principalmente em navios de cruzeiro, embarcações de apoio e marcantes. As escalas de trabalho são diferenciadas, podendo-se trabalhar apenas 6 meses e folgando mais 6. Assista o vídeo revelador que têm ajudado muitas pessoas no Brasil a ingressar neste mercado aqui.
Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.