Início São Paulo (SP) tem evento sobre mobilidade urbana pós pandemia junto a dificuldade no retorno presencial das empresas e permanência do Home Office; saiba como participar!

São Paulo (SP) tem evento sobre mobilidade urbana pós pandemia junto a dificuldade no retorno presencial das empresas e permanência do Home Office; saiba como participar!

23 de junho de 2022 às 10:10
Compartilhe
Siga-nos no Google News
São Paulo (SP) tem evento sobre mobilidade urbana pós pandemia junto a dificuldade no retorno presencial das empresas e permanência do Home Office; saiba como participar! - Pixabay
Muitos profissionais passaram a exigir o Home Office – Pixabay

O  Fretadão, startup voltada para tecnologia de mobilidade urbana, deverá, nesta sexta-feira, 24 de junho, participar de um evento que aborda mais sobre os desafios de transição neste período pós pandemia, onde os estados já retiraram a obrigatoriedade das máscaras e os trabalhos estão saindo do Home Office. 

O evento, que começa na noite de quinta-feira, 23 de junho, foi criado em uma parceria  que conta com  Connected Smart Cities junto ao Estadão Mobilidade. Acontecendo na capital do estado de São Paulo (SP),  está previsto para durar até o sábado, 25 de junho.  A ‘startup’ abordará os desafios da mobilidade urbana corporativa pós-pandemia e quais são as contribuições que o setor corporativo pode trazer para melhorar a agilidade dos processos. Em simultâneo em que fazem com que as pessoas, de todo o Brasil, acabem optando por meios mais sustentáveis de transporte.   O tema a ser abordado será a relação que as pessoas estão tendo com a volta dos trabalhos presencial depois de dois anos atuando em home office e mobilidade.

 Algumas áreas enfrentam dificuldade quanto a isso e  se negam a voltar, principalmente aquelas voltadas para tecnologia da informação (TI). O trabalho de casa é mais prático e consegue reduzir exponencialmente o tempo que o cidadão perderia no trânsito para fazer um serviço do qual poderia ser realizado de casa. 

Artigos recomendados

Quem deverá participar do evento sobre mobilidade urbana e tentativa de algumas profissões em permanecerem em um home office eterno.

Dentre os principais participantes do evento, pode-se citar o CEO do Fretadão, Antonio Carlos Gonçalves, Gustavo Gracitelli, CEO do BYND, e Jordana Souza, co-fundadora e CRO da Voll. A conversa sobre este tema específico estava prevista para começar por volta das 10 horas do dia 24, apesar do evento começar dia 23. 

Os debates têm como intuito promover a mobilidade intuitiva e facilitar para que as pessoas, que ficaram tanto tempo sem ir ao trabalho presencial, consigam se adaptar a uma nova rotina com alternativas viáveis para evitar trânsito e transtornos nas estradas. Ideias que podem facilitar o retorno ao trabalho presencial poderão ser compartilhadas. 

Além do evento acontecer presencialmente, a candidatura também acontece de forma ‘online’ por intermédio do site parquedamobilidadeurbana.com.br. Para acompanhar,  deve-se estar ‘online’ para a transmissão ao vivo. 

Dificuldade na volta do trabalho presencial tem como argumento o tempo na rodovia e facilidade do home office.

Profissionais de áreas voltadas para a comunicação, ‘marketing’ e tecnologia da informação argumentam que o Home Office é mais prático porque se consegue efetuar de casa o que era realizado presencialmente na instituição. O argumento destes profissionais é haver mais flexibilidade na rotina do dia a dia, em simultâneo em que se perde menos tempo com as estradas.

Outro argumento  que faz com que o home office se torne o preferido de muitas pessoas é sobre que ele permite estar mais tempo com a família, em simultâneo em que torna o trabalho mais produtivo. 

Conheça mais sobre a startup Fretadão, empresa surgiu antes da pandemia com mente empreendedora.

O Fretadão é uma ‘startup’  que tem uma plataforma digital com aplicativo e site que permite que os clientes façam o contrato de micro-ônibus e outras categorias de transportes para promover mais agilidade e sustentabilidade nas estradas com menor uso de carros.  O modelo de gerenciamento de fretados têm tecnologia de ponta a ponta que permite mais praticidade  nos processos a serem realizados.

 

Relacionados
Mais recentes