Descomissionamento de 10 plataformas offshore no Nordeste

'curso de descom em macae

Unidades offshore já estão com programas de descomissionamento para serem apresentados à Agência Nacional do Petróleo (ANP)

A região nordeste do Brasil possui 10 plataformas fixas offshore da Petrobras que já estão com os programas de descomissionamento previstos para serem apresentados à Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP). Veja também: Descoberta de petróleo no Recôncavo.

As unidades offshore estão nas bacias de Potiguar (9 unidades) e Sergipe (1 unidade).

Em Sergipe, no campo de Salgo, a PRB-01 está programada para ser descomissionada em 2021, segundo a Marinha do Brasil. Operante desde 1986 até 2014, a plataforma teve duração de 28 anos.

Veja também:

Já na bacia de Potiguar, a plataforma Pescada 3 (PPE-3), em Dentão, teve a produção iniciada em 2002 e finalizou em 2013. Biquara 1 (PBIQ-1), no campo de Biquara, foi de 2001 à 2013.

No campo de Agulha – Potiguar – três plataformas, Agulha 1, 2 e 3 (operantes desde 1979) estão programadas. Agulha 1 ainda está em operação e as demais encerraram suas atividades em março deste ano e em 2013, respectivamente.

Em Homônimo, as unidades Oeste de Ubarana 1 e 2 começaram a produzir em 2007. Oeste de Ubarana 1 está em atividade, enquanto a 2 parou suas atividades em 2013.

Finalizando as 10 plataformas offshore, Arabaiana 1 e 3 (início em 2002), na Bacia de Potiguar, também entram na lista. A primeira ainda segue operando, enquanto a Arabaiana 3 foi desativada em 2015.

Além do Nordeste, na região Sudeste há mais dez plataformas na Bacia de Campos com programas de descomissionamento já previstos a serem protocolados junto à ANP.

Segundo a agência, serão necessários cerca de R$ 50 bilhões em investimentos para o descomissionamento de plataformas offshore no Brasil até 2050.

Roberta Santiago

About Roberta Santiago

Engenheira de Petróleo, Pós-Graduanda em Engenharia de Comissionamento de Unidades Industriais e com vivência no exterior, possuo experiência com criação de conteúdo voltado ao setor de óleo e gás e de infraestrutura.