Desaer vai construir nova fábrica de aviões em MG com expectativa de gerar 1 mil empregos

Valdemar Medeiros
por
-
15-04-2022 11:56:57
em Indústria e Construção Civil
Desaer - fábrica de aviões - MG - empregos - A Desaer já fechou contratos de venda de aeronaves que serão produzidas em Araxá (foto: Deaser/Divulgação)




A Desaer planeja construir sua nova fábrica de aviões em Araxá (MG) e a estimativa é que R$ 250 milhões sejam investidos e 1 mil novos empregos surjam até o final de 2024, data em que fábrica poderá ser inaugurada.

A Prefeitura de Araxá (MG) concedeu uma área de 277.800 m², anexa ao Aeroporto Municipal, nesta quarta-feira (13), para a Desaer Desenvolvimento Aeronáutico. O local receberá um investimento inicial previsto de US$ 250 milhões e a estimativa é que 1 mil empregos sejam gerados, tanto diretamente quanto indiretamente. Tais investimentos são para que o local receba em breve o começo das construções de uma fábrica de aviões da empresa para que os mercados comerciais, de defesa e cargueiro sejam atendidos pela Desaer.

Fábrica de aviões em Araxá está prevista para ser inaugurada em 2024

De acordo com Evandro Fileno o diretor-presidente da Desaer, a estimativa é que até o final de 2024, a fábrica de aviões já esteja em atividade e buscando atender contratos de compras já assinados. Segundo Fileno, um dos conceitos que serviram de base para o desenvolvimento da fábrica de aviões em Araxá (MG), foi o de atrair parceiros para o país contribuindo com a geração de novos empregos para a região e para o Brasil.

A estimativa agora é fomentar a chegada de outras empresas que possam ser fornecedoras da fábrica de aviões, além de também estimular a abertura de cursos de ensino superior voltados para este setor.

De acordo com Juliano Cesar da Silva, secretário municipal de desenvolvimento Econômico, Turismo e Inovação, a viabilização da chegada da Desaer em Araxá (MG) favorecerá não só a economia local, mas também o desenvolvimento tecnológico. Cesar ainda afirma que é um grande marco para a cidade ter um grande investidor, principalmente, no setor de inovação, que é uma das apostas da administração atual, com o objetivo de atrair novas empresas e fomentar a qualificação de mão de obra e geração de empregos.

Fábrica de Aviões da Desaer está nas etapas finais para liberação das obras

Cesar informa que antes das obras o projeto deve atender, também, a diversas normas estabelecidas pela Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), que é responsável pela aprovação do projeto, tendo em vista que o local da instalação da fábrica de aviões no MG fica a 20 metros do aeroporto.

Com o intuito de valorizar as pessoas do município, os alunos de arquitetura do Centro Universitário do Planalto de Araxá serão responsáveis pelo desenvolvimento do projeto da fábrica, o que também é visto como uma forma de contemplar o talento.

Durante a assinatura do contrato com a prefeitura de Araxá (MG), Fileno afirmou que nos próximos dias deverá ir à capital para que as aprovações sejam liberadas, tendo em vista que a empresa planeja entregar uma aeronave já contratada e que deve ser produzida em Araxá no final de 2024. Apenas para a produção do modelo ATL-300 a empresa planeja investir mais R$ 500 milhões.

Alunos de Araxá (MG) também participarão de projeto

Outro projeto que terá a participação dos alunos de Araxá é uma parceria fechada com o Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais (Cefet- MG) para que dentro de dois anos, cidadãos do municípios estejam aptos para suprir a demanda do setor, ainda que o secretário estime que profissionais de outros locais do país também devam migrar para o município tendo em vista as exigências de conhecimento da empresa.

Vale ressaltar que, nos últimos dias, a Prefeitura Municipal de Araxá anunciou as obras de reforma do aeroporto, que não recebe voos domésticos desde o começo da pandemia devido à falta de demanda.

Sites Parceiros

Publicidade




Tags:
Valdemar Medeiros
Especialista em marketing de conteúdo, ações de SEO e E-mail marketing. E nas horas vagas Universitário de Publicidade e Propaganda.