A DNV GL está com excelente oportunidade de Estágio para Engenheiro Naval

estágio para engenheiro naval

Sociedade Classificadora multinacional, com sede na Noruega, está com vaga de Estágio para Engenheiro Naval, a área de atuação é o Rio de Janeiro

A DNV GL, Sociedade Classificadora muito conhecida pelas classificações de navios e plataformas, disponibiliza excelente oportunidade de Estágio para Engenheiro Naval. A DNV GL fornece serviços de classificação, garantia técnica, software e consultoria especializada independente para as indústrias marítima, de óleo e gás, energia e renováveis. Também fornece serviços de certificação, cadeia de fornecimento e gerenciamento de dados a clientes em uma ampla variedade de setores.

O candidato deverá estar apto a executar:

  • Análise estrutural;
  • Análise de estabilidade;
  • Análise Hidrodinâmica;
  • Análise de ancoragem

Qualificações da posição

  • Graduação prevista para dezembro de 2020 ou posterior;
  • Fluente em inglês;
  • Nativo em português;
  • Experiência no pacote do Microsoft Office é necessária;
  • Conhecimento de Linguagens de Programação de Computadores é desejável;
  • A proficiência em qualquer Engenharia Assistida por Computador relacionada à análise estrutural, estabilidade, hidrodinâmica ou amarração é uma vantagem

O candidato escolhido deve ter/ser:

  • Boa comunicação verbal e escrita;
  • Espírito de equipe;
  • Responsável;
  • Atenção aos detalhes;
  • Comprometido

Se você atende os requisitos exigidos e planeja começar a carreira em uma das empresas mais sólidas do mercado de construção Naval, clique aqui para ir direto ao site da empresa e fazer a sua candidatura.

A construção naval promete se recuperar em 2019 e 2020, muitos contratos serão fechados nas rodadas de licitações das áreas de concessão e do Pré Sal, A Petrobras voltou a ter um nível de investimento, em valores, similar a 2015. Para atender esta demanda, novos equipamentos serão encomendados e a indústria de óleo e Gás, certamente ocupará novamente, seu lugar de destaque no cenário nacional. A qualificação dos profissionais é fator preponderante para que essa recuperação ocorra. Ainda dá tempo,  qualifiquem-se e preparem-se para 2019 e para o futuro desta indústria.

Sobre Renato Oliveira

Engenheiro de Produção com pós-graduação em Fabricação e montagem de tubulações com 30 anos de experiência em inspeção/fabricacão/montagem de tubulações/testes/Planejamento e PCP e comissionamento na construção naval/offshore (conversão de cascos FPSO's e módulos de topsides) nos maiores estaleiros nacionais e 2 anos em estaleiro japonês (Kawasaki)